Escolha uma Página

Foi dado o pontapé inicial na maratona de filmes do Oscar. Por aqui estamos a todo o vapor e desta vez trouxemos o que achamos do indicado ‘Uma noite em Miami…

O filme, dirigido por Regina King, é a imaginação de uma conversa entre 4 homens lendários, que se reuniram em Miami em 1964, após a vitória de Cassius Clay, no Boxe.

‘Uma noite em Miami…’ trás um debate interessante sobre o racismo, quando coloca Cassius Clay, Malcolm X, o astro da NFL Jim Brown, e o cantor soul Sam Cooke, no mesmo quarto de hotel; e com maestria explora o que os artistas negros devem a si próprios e às suas comunidades, bem como é o poder e como esses conflitos e conversas podem ter começado durante o Movimento dos Direitos Civis, mas eles ‘ estão longe de acabar.

Principalmente por se tratar de um filme intimista, limitado praticamente a um quarto de hotel, King consegue mostrar um domínio sem precedentes nos takes, conseguindo enfatizar os personagens a cada cena.

Não é um filme de grandes performance mas de ideias profundas; não seria um filme que daria o play se não houvesse sua nomeação nas premiações, mas foi uma produção que me surpreendeu.

Não creio que ‘Uma noite em Miami…’ seja um grande vencedor, mas tem seu valor em diversos aspectos. Com quatro boas atuações e uma direção impecável, o filme é de fato, um drama fascinante que merece sua atenção.

‘Uma noite em Miami…’ está disponível no Prime Video.