Desde que Mandalorian chegou ao Disney+, muitos fãs começaram a se perguntar sobre o futuro de alguns personagens de Star Wars nos cinemas ou nas telas de televisão. O seriado trouxe a versão live-action de Ahsoka Tano e abriu as portas para uma série de outras figuras de George Lucas terem o mesmo destino. Um deles é o Grande Almirante Thrawn, um personagem fictício da franquia Star Wars criado em 1991, no filme de Timothy Zahn. Ele é um herdeiro do império e também um comandante militar que assumiu o controle das forças do Império Galáctico, cinco anos após os eventos de O Retorno dos Jedi.

Desde que Ahsoka mencionou Thrawn em sua aparição em Mandalorian, os fãs começaram a pensar em quem poderia vir a interpreta-lo em um formato live-action. O nome pensado foi o de Benedict Cumberbatch, que atualmente está gravando Doutor Estranho no Multiverso da Loucura. Embora os fãs queiram muito, o ator britânico confessou não ter interesse nenhum em interpretar o papel. 

Em entrevista recente ao Collider , Cumberbatch respondeu:

“Grand Admiral Thrawn? Ele se transforma em Grand Moff Tarkin ou algo do tipo? Esse é um não bem direto pra mim, neste momento. Não existe uma forma em que eu queria me transformar em algo azul. Eu transformei o ar em algo azul, muito recentemente. Não, não, falando sério. Eu tenho um tempo precioso com os meus filhos e acho que ficar sentado em uma cadeira de maquiagem, enquanto me pintam de azul, além do tempo necessário para colocar isso e depois ter que tirar no fim do dia… não é o tempo certo na minha vida para esse tipo de coisa”

As duas primeiras temporadas de The Mandalorian já estão disponíveis no Disney+.