Curon chegou hoje (10) na Netflix, e para quem curte o gênero de Terror/Suspense e lendas urbanas e sobrenaturais, a série é uma pedida incrível de maratona.

A série italiana acompanha a história dos gêmeos Mauro e Daria, que viajam para a cidade natal de sua mãe após 17 anos. No entanto, ela desaparece, dias após sua chegada e eles precisam descobrir o que aconteceu, de fato, enquanto acabam descobrindo segredos profundos da família.

A cidade, funciona praticamente como um protagonista dentro do contexto da série. Pensando nisso, listamos aqui cinco curiosidades sobre Curon:

A TORRE

A torre do sino, tão mística dentro do universo de Curon é realmente real, assim como o lugar ao qual faz parte. Pertencia a uma igreja que submergiu no lago Resia. Hoje é considerado o símbolo da Vila. Foi construída por volta de 1300, e com a criação do lago artificial, parte da vila ficou submersa por volta de 1949 e 1950.

A CIDADE

Sim, Curon realmente existe. é um lugar real, localizado no norte da Itália; que faz uma quase fronteira entre a Suíça e a Áustria. Possui cerca de 2.400 habitantes.

A ESCOLHA

O local escolhido, não foi por acaso. Meio submersa no lago, a torre tem seus próprios contos e lendas que foram incorporados à história da série. Lendas Urbanas do lugar.

LENDAS

Moradores do local, assim como na série dizem ouvir sinos, durante os meses mais frios do ano. No entanto, é sabido que os sinos foram removidos do local em 18 de julho de 1950.

POVOADO

O Povoado é lembrado de maneira muito triste pois Em 1921 se tornou a primeira localidade a ser subjugada por Benito Mussolini, quando o ditador impediu os habitantes de falarem a própria língua e trabalharem; Quando o Nazismo se estabeleceu na Europa, o local tratava Hitler como um Herói que lhes devolveu trabalho e a vida. Obviamente essa é uma parte terrível e lamentável da história do lugar.

A série é criada por Giovanni Galassi, Ivano Fachin Tommaso Matano; tem o roteiro pelas mãos de Ezio Abbate.

Curon já está disponível na Netflix.

VEJA MAIS SOBRE SÉRIES