Zal Batmanglij comenta nova série depois de The OA

Zal Batmanglij e Brit Marling entregam parceria primorosa em todas as suas produções e prometem explodir cabeças com a estreia de Assassinato no Fim do Mundo no Star+.

Brit Marling e Zal Batmanglij (Créditos: Dan Doperalski para a Variety)

Antes de começar esse texto, preciso dizer que eu e você esperamos por isso há tanto tempo, mas tanto tempo… que nem parece que isso aconteceu de verdade. Mas, vamos respirar fundo, juntos, e seguir em frente porque temos um trabalho a fazer. À todos os envolvidos que fizeram essa entrevista acontecer: obrigada. 😉

Poderia ter sido uma segunda feira como outra qualquer, mas essa sempre será a segunda feira em que eu conversei com Zal Batmanglij, parceiro de Brit Marling na criação do universo de The OA e, agora, no universo de Assassinato no Fim do Mundo – série que estreia dia 14 de novembro no Star+.

Depois de atrasos na entrevista, problemas técnicos e ausência de Brit Marling, – ela teve um probleminha antes da entrevista começar e precisou se ausentar – eu estava pronta para usufruir dos meus preciosos sete minutos ao lado de Zal. E que homem incrível!

Acho que essa é a primeira coisa que preciso contar para vocês: Zal é taurino (eu sei, sou tendenciosa) e, por isso, extremamente apaixonado por tudo o que faz. Ele tem orgulho de The OA, orgulho dos fãs de The OA, tem paixão pelo que ele e Brit fazem juntos, pelo processo criativo e pelas histórias… mas, acima de tudo: está feliz e realizado porque sua nova série (limitada, ainda bem) está chegando ao mundo inteiro desse jeitinho especial e super popular.

Nessa primeira parte da entrevista – que saiu em vídeo no nosso canal do youtube – eu perguntei ao Zal como funcionava o seu processo criativo com Brit Marling. Essa era uma dúvida que eu tinha desde The OA. E acho que vocês também.

Tudo começou quando eu e Brit fomos para nosso cantinho em LA, Califórnia – East Side – e nos fechamos para todas as vozes que existem em nossas mentes. Silenciamos tudo e nos fechamos para todos os nossos sentimentos também. Em um determinado momento, ficamos presos à uma informação que lemos em algum lugar, de que durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, existia uma tensão generalizada no mundo inteiro. As pessoas estavam muito tensas nesse período. E, de alguma forma, em 2019, encontramos essa mesma tensão. Sentimos esse sentimento e partimos daí.

Veja bem, Sound of My Voice, Another Earth, The OA, e vários outros projetos que eles fizeram juntos, não eram apenas produções de scifi. Todas as histórias possuem uma profundidade de reflexão que vai além do “quero te deixar com medo do futuro” – comumente encontradas na ficção científica. Claro que, como contadores de histórias, se utilizam desse modelo para entregar uma premissa que chame atenção, mas eles vão além.

Em breve compartilho mais detalhes da minha entrevista e mais informações incríveis sobre a nova série dos nossos anjos originais. Ainda estou tentando me recuperar desse encontro. Eles são o momento!

Em Assassinado no Fim do Mundo, uma detetive amadora e hacker experiente em tecnologia, Darby Hart, e mais oito pessoas são convidadas por um bilionário recluso para participar de um retiro num local remoto. Quando um dos convidados é encontrado morto, Darby vai precisar de usar as suas habilidades para provar que foi homicídio antes que o assassino volte a atacar.

Assassinato no Fim do Mundo chega dia 14 de novembro no Star+.

Leia mais sobre estreias e conteúdos do Star+

Acompanhe também conteúdos diários em nossos canais do YoutubeInstagram e Tiktok
Para apoiar nosso trabalho, acesse catarse/crisepanda 😉