Conversamos com Natasha Dupeyrón de Señorita 89

Em março, Señorita 89 chegou na Starzplay. A série se destaca não somente pela qualidade da produção, mas também pela construção dos episódios focados em cada uma das participantes do concurso. Quando falo do concurso, me refiro ao Miss México, e de uma época onde a objetificação e humilhação da figura feminina era moeda de troca em qualquer classe.

Señorita 89 é escrita e dirigida por Lucía Puenzo, em seu elenco temos Ilse Salas, Ximena Romo, Bárbara López, Natasha Dupeyrón, Leidi Gutiérrez e Coty Camacho que se superam nas atuações e entregam com maestria as nunaces e as camadas necessárias para se contar essa história.

À convite do streaming, pudemos conversar com Natasha Dupeyrón, atriz que interpreta Isabel Ross. Ela é uma jovem ambiciosa, competitiva e quer vencer o concurso, de qualquer maneira. Nas palavras da própria atriz: “… acho que ela representa a todas nós. Acho que todos nós crescemos ouvindo que a mulher da casa ao lado era nossa inimiga em nossos rivais… E claro, se contradiz, porque acredito que todos nós temos que nos encontrar para dizer que faz parte do nosso ser, certo? […] ela pensa que se ganhar a coroa estará livre e pensa que é uma maneira fácil de sair de Yucatan, que é um lugar onde… eles se casam muito jovens onde fazem de você uma mãe, embora você não esteja pronto Ela acha que entrar neste concurso abrirá portas para ela… ele entra na cova dos leões e percebe que não é o caso, mas mesmo assim decide jogar…”

Dupeyrón se diz muito afortunada de ter podido participar dessa produção, onde pode aprender tanto sobre igualdade de gênero, violência de gênero e sobre sororidade. E se você se pergunta sobre a composição da personagem ‘Isabel’, já que Natasha a descreveu tão profundamente; a atriz diz ter tido muita dificuldade e que foi algo que a fez estudar muito.

“… eu tinha alguns textos muito complicados para dizer… algumas cenas com sotaque italiano outras sem… Então, eu falei pra Lúcia: ‘como eu digo esses textos?’ O importante sobre essa personagem é como ela diz as coisas… Então, eu estudei muito esses textos para entender o que ela estava querendo dizer…”

A atriz diz ter entrado com medo no projeto, afinal era muitas mulheres fortes e poderosas, mas que no final, conviver com estas foi o que mais a marcou na produção: “… foi tipo a maior lição que eu tive, tipo não tenha medo de estar entre as mulheres, é incrível e foi.”

E verdade seja dita, queremos muito mais de Señorita 89, inclusive Natasha: “Eu adoraria, seria ótimo se continuasse. Eu acho que é uma história que vai longe, mas sim, não está em minhas mãos.”

Infelizmente não está mesmo nas suas mãos Natasha, mas estamos confiantes que em breve, teremos novidades sobre a série e sua sequência.

E você, me conta ai o que achou de Señorita 89?

A série já está disponível na Starzplay.

LEIA MAIS SOBRE SÉRIES