Escolha uma Página

MAIS LENHA NA FOGUEIRA

A fase de Kevin Spacey não anda nem um pouco boa. Depois de ser acusado de assédio sexual, o astro e protagonista de House of Cards acabou sendo demitido da Netflix depois de mais outra série de acusações da equipe da própria série.

Agora quem resolveu falar sobre o ator (e não foi para defender) foi Jon Bernthal, um dos atores mais visados do momento por conta da estreia da série solo do Justiceiro na Netflix.

Bernthal, que trabalhou com Spacey em Em Ritmo de Fuga, revelou que perdeu todo o encanto e respeito que tinha pelo intérprete de Frank Underwood após ver o comportamento ácido que o mesmo tinha nos bastidores.

Eu estive por pouco tempo naquele set, mas do tempo que eu fiquei ele me passou a impressão errada. Eu comecei como um ator de teatro e quando eu era mais novo eu fui pra Londres e vi uma peça com Kevin Spacey, eu vi da primeira fileira e aplaudi de pé, aquilo foi uma experiência transformadora e ele era um dos meus atores favoritos. Só que quando fui para aquele set e trabalhando com ele eu tive uma impressão muito diferente. Ele era um valentão e estava se comportando mal com outras pessoas no set. Ele estava agindo de uma maneira com as pessoas que eu lembrava de ter pensado na época ‘se ele estivesse falando assim com uma mulher eu teria feito algo’ e eu fiquei muito feliz de ir embora de lá e me lembro de perder o respeito que tinha por ele.

Jon Bernthal

Ator

Todas as acusações contra Spacey levaram a Netflix a realizar uma pausa por tempo indeterminado nas gravações da sexta temporada de House of Cards, de onde o ator acabou sendo demitido. Os roteiristas agora pensam em uma forma de matar Frank Underwood sem precisar usar Spacey nas gravações.

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: