Escolha uma Página

A história sem fim, romance de fantasia de 1979, do escritor alemão Michael Ende, foi adaptado para os cinemas em 1984, e atualmente ganhou grande destaque, por ser homenageada em Stranger Things, quando sua musica tema “Neverending story” foi entoada por Dustin e Suzy na série.

Hoje, o filme é considerado um clássico cult, e na época, mesmo sua classificação sendo de 10 anos, causou muitos pesadelos às crianças. Inclusive a mim, que o assisti muito, quando criança… Inclusive era um dos meus favoritos da vida, mas só os primeiros, as sequências não foram tão boas.

Para quem desconhece, a trama acompanha o garoto Bastian, que encontra um livro que fala sobre uma terra chamada Fantasia, um lugar onde a escuridão destrói tudo. Fantasia aguarda pela salvação, que virá de um humano exatamente igual a ele.

Mas o que causava tanto temor nas crianças, já que se tratava de um filme infantil? Será que podemos considerar o clássico uma espécie de Suspense psicológico?

Pois bem, te trago aqui alguns fatores que podem corroborar essa ideia:

PAI: O pai de Bastian, simplesmente ignora a morte de sua esposa, e pede para que seu filho, uma criança faça o mesmo. “Você está grande demais para essas coisas.”

ARTAX: Certamente essa é uma das cenas mais impactantes da história. A história se divide entre mundo real e Fantasia… E quando entramos em Fantasia, através da leitura de Bastian conhecemos Atreyu e Artax, seu inseparável cavalo, que ao sair em busca de uma cura para a “Imperatriz menina” se depara com o Pântano da Tristeza… Esse local, onde se você tiver pensamentos tristes acaba afundando, acabou levando seu cavalo. No filme fica claro, que não foi a areia movediça que o levou e sim ele apenas parecia triste demais para tentar.

GIGANTE DE PEDRA: O comedor de pedra, que sempre procurava pedras gostosas para comer, apresenta um discurso conformado com a morte. Gente é um filme infantil… cadê as mensagens motivacionais?

TUDO NÃO PASSOU DE SONHO?: No fim, Atreyu descobre que sua vida não é nada além de uma história, em um livro que está sendo lido por Bastian. O que nos leva a pensar: Será que tudo não fez parte na imaginação, de Bastian, ainda perturbada com a perda da mãe?

FANTASIA: Descobrimos que na verdade Fantasia estava sumindo, pelo simples fato das crianças estarem deixando de acreditar na fantasia. Vocês tem noção de como isso é pesado, para uma criança, ser culpada, por todo aquele imaginário estar desaparecendo?

Louco né? É muito estranho imaginar a história por esses olhos, mas faz sentido de alguma forma.

Mas outros fatos sobre o filme é que ele foi considerado -na época- o filme mais caro da história, da Alemanha, tendo custado US$ 27 milhões e arrecadou cerca de US$ 100 milhões; e o que era pra durar 3 meses, demorou 1 ano para ser filmado. Além disso, o autor descreveu o filme como “revoltante” e pediu para que seu nome fosse retirado dos créditos. Sua fala sobre, foi:

“Os criadores do filme simplesmente não entenderam o livro na todos. Eles só queriam ganhar dinheiro.”

Agora fiquei com mais vontade de ler… e vocês?

A História sem fim está disponível no streaming do Telecine.

LEIA MAIS SOBRE FILMES