Escolha uma Página

Finalmente a adaptação de AMOR E GELATO está entre nós. Silenciosa e controversa desde que os rumores de sua produção vieram à tona, trouxe para os fãs da obra original um sentimento conflituoso, e tudo bem, super entendo, mas se a própria autora aprova, quem sou eu para não. A autora não esteve envolvida no projeto, e a própria diz que “O Amor & Gelato que você vê na Netflix não é o mesmo Amor & Gelato que eu escrevi, mas tem o coração dele.” e tem mesmo!

Confesso que quando vi as primeiras imagens, os pôsteres e o trailer, me limitei a somente esperar. Pois queria gostar, de verdade. Ao dar play, entendi. Era uma adaptação sim, adaptação no sentido literal da palavra, pois adaptava na sua essência o livro de Jenna Evans Welch.

Aqui não vou fazer uma lista tópico a tópico das diferenças entre os livro e o filme, mas dizer de coração o que faz do filme e o livro obras distintas, mas igualmente interessantes.

Em ambas as obras conhecemos Lina, uma jovem que perdeu sua mãe de maneira repentina e no leito de morte ela abriu seu coração sobre o amor da sua vida, a Itália. E de como o seu último desejo era de que Lina fosse passar um tempo por lá para viver tudo que viveu. Não tem cemitério, não tem casa rústica e mãe hilária do Lorenzo, não tem visitantes inconvenientes… Mas tem muita pasta e experiências gastronômicas que nos fazem viajar sem sair de casa.

Amor e Gelato trouxe as camadas de Lina, uma jovem que sempre viveu para os outros e esqueceu de viver para si, uma jovem que pouco viveu mas que ansiava por isso, e que com a ajuda dos que a cercavam ali, pode experenciar momentos que nunca antes pensou.

Alessandro e Lorenzo trouxeram a dualidade igualmente apresentada nos livro, mas o filme fez com que -quase- torcêssemos para Alessandro. E se a mãe de Lina queria que ela vivesse mesmo tudo que ela viveu, ela conseguiu, pois ali, podemos dizer que ela começou a viver de fato.

Amor e Gelato é um livro que tem sim uma história de amor, mas não é sobre essa história que se trata, e o filme conseguiu expressar isso. Amor e Gelato é sobre se descobrir, se libertar, amar, viver… o romance é só consequência de uma jovem que agora sim, começou a se encontrar, mas que está só no começo.

O filme já está disponível na Netflix!

LEIA MAIS SOBRE FILMES