Um dos maiores sonhos dos fãs da Marvel é ver todos os heróis da Casa das Ideias reunidos no Universo Cinematográfico Marvel. Depois que vimos o Homem Aranha entrando no MCU após um acordo entre a Marvel Studios e a Sony, detentora dos direitos cinematográficos do cabeça de teia, os fãs começaram a sonhar em ver os mutantes mais conhecidos do mundo, os X-men, nos mesmos filmes dos Vingadores. Mas parece que Joe Russo, diretor dos aclamados Guerra Civil e Soldado Invernal, jogou um balde de água fria na esperança dos fãs.

Em entrevista ao site ComicBook, Joe Russo negou os rumores que rolam na internet pelas últimas semanas que diziam que os X-men estariam em Vingadores: Guerra Infinita. “Pelo que a gente saiba, no momento não há nenhuma negociação a respeito dos X-Men. Não sei se nos bastidores houve algum contato ou se há conversas acontecendo atualmente, mas nós certamente não escutamos nada”  comentou Russo sobre as possíveis conversas entre a Fox e a Marvel Studios.

Russo também completou que “Não houve conversas sobre os X-Men a respeito de Capitão América: Guerra Civil. O Homem-Aranha pôde aparecer porque a Sony e a Marvel já tinham um relacionamento por meio de Kevin Feige (presidente do Marvel Studios) e Amy Pascal (ex-presidente da Sony Pictures) e por meio de nós com Amy. Esse tipo de compartilhamento de direitos exige uma certa química e uma situação muito especial entre estúdios.”

Joe Russo vai dirigir, ao lado de seu irmão Anthony Russo, os próximos filmes dos heróis mais fortes da terra, Os Vingadores: Guerra Infinita, e um quarto filme da franquia que ainda não possui título confirmado. Vingadores: Guerra Infinita tem data prevista para estréia em março de 2018 em todo o mundo.

Pode ser um balde de água fria, mas para os fãs, a esperança é a última que morre. Vocês ainda acreditam nessa junção dos estúdios? Não deixem de comentar aí embaixo, na nossa página no Facebook e nas outras redes sociais: Como diriam agora Cris e Panda: é tudo COXINHANERD (tudo junto mesmo!)

Leia mais sobre Marvel e Filmes

Compartilhe: