Uma das maiores apostas da Netflix para o Oscar 2021 é A Voz Suprema do Blues, protagonizado por Viola Davis. O filme é também a última produção gravada por Chadwick Boseman antes de falecer. O ator se despediu do  mundo em setembro deste ano, mas não sem antes nos deixar a melhor despedida que poderíamos pedir. Boseman interpreta Levee, o trompetista de Ma Rainey, a personagem de Viola. 

Sinopse

Chicago, 1927. Em uma sessão de gravação, surgem tensões entre Ma Rainey (Viola Davis), seu trompetista ambicioso (Chadwick Boseman) e os empresários brancos determinados a controlar a lendária Mãe do Blues. Baseado na peça do vencedor do prêmio Pulitzer August Wilson.Além de Davis e Boseman, que já estão entre os favoritos da crítica para concorrerem ao Oscar de Melhor Atriz e Melhor Ator, A Voz Suprema do Blues tem no elenco nomes como Colman Domingo, Glynn Turman, Michael Potts, Taylour Paige e Dusan Brown. O longa é dirigido por George C. Wolfe (A Vida Imortal de Henrietta Lacks) e produzido por Denzel Washington e Todd Black.

A Voz Suprema do Blues estreia em dezembro deste ano.