As lendas do Rei Arthur remetem a um período do final do século V. O personagem literário da cultura medieval britânica teve sua história contada por diversas fontes e diversas formas, todas girando em torno do protagonista. Com a chegada de Cursed – A Lenda do Lago a Netflix, a trama mudou. A lenda arturiana será contada sob o ponto de vista de uma nova personagem central, aqui vivida por Katherine Langford.

Mas afinal, qual é a verdadeira origem da lenda do Rei Arthur?

O cenário aqui reflete uma época em que os bretões dominavam o que hoje é o atual Reino Unido. O povo bretão nada mais era do que os celtas, que passaram a seguir o costume dos romanos que chegaram na ilha. Seus principais inimigos eram os saxões, cristãos ferrenhos que buscavam o poder. O período em que Arthur existiu é conhecido como Ciclo Arturiano e se passa na Idade Média.

Os saxões buscavam cristianizar toda a população. Os pagãos celebravam as lendas, os mitos e magia, indo contra tudo aquilo que os saxões pregavam. Começou uma perseguição violenta, onde milhares de pagões foram mortos e mulheres queimadas na fogueira, acusadas de bruxaria. A história de Arthur cruza com As Brumas de Avalon, contos referentes a algumas dessas mulheres. Dentre elas, Morgana e Viviane, sacerdotisas de Avalon, que foram forte influência na vida de Arthur.

O filho

O menino era filho de Uther Pendragon e Igraine, fruto de um truque feito por Merlin. Apaixonado pela moça, casada, Uther pede a Merlin que o transforme em seu marido por uma noite. Em troca, o menino que nasceria seria treinado pelo mago. Arthur se torna meio-irmão de Morgana, filha de Igraine e Garlois, que morre em batalha. Enquanto o nome de Arthur fica nas lendas, é historicamente comprovada a existência de Pendragon.

Arthur foi criado por Ector, sob o olhar de Merlin. O menino se torna um guerreiro e escudeiro de Kay, filho de Ector. Em uma de suas peregrinações pela floresta, ele encontra uma pedra entalhada com a mensagem: Qualquer um que extrair esta espada desta pedra, será o rei da Inglaterra por direito de nascimento.

A Excalibur

Quando a espada de Kay se parte ao meio, Arthur corre na floresta para pegar aquela que encontrou e a tira da pedra com facilidade. Ector reconhece a arma e pede ao menino que o leve até o lugar que a encontrou. A espada é introduzida na pedra mais uma vez e Arthur novamente a tira, com facilidade. Ele é reconhecido como soberano e passa ser um líder, liderando 12 batalhas contra os cristãos.

A chamada Pedra de Arthur existiu e foi encontrada em 1998, nas ruínas do Castelo de Tintagel, na Cornualha. Ela é datada do século VI e muitos acreditam como sendo a maior prova da existência do Rei Arthur.

Morgana

Em uma das festas da corte, Arthur se apaixona por Morgana, sem saber que ela é sua irmã. Mordred nasce como fruto do relacionamento, razão pela qual é muitas vezes citado como sobrinho de Arthur. O cavaleiro se casa com Guinevere para reforçar alianças com senhores feudais, mas seu amor por Morgana não acaba. Ao mesmo tempo, Guinevere se apaixona pelo melhor amigo de Arthur, o também cavaleiro Lancelot.

Arthur encontra seu destino pelas mãos do próprio filho. Mordred acaba sendo morto pelo pai naquele instante, marcando um destino trágico para os dois. Em seus últimos respiros, Arthur pede a seu escudeiro para que jogue a Excalibur dentro do lago. O homem convoca a Dama do Lago, que surge com as mãos para pegar a espada. Viviane, ou Nimueh, carrega a espada consigo, enquanto as sacerdotisas de Avalon levam Arthur a ilha para tratá-lo.

A Távola Redonda

Durante o tempo em que esteve no poder, Artur teria escolhido 12 de seus melhores cavaleiros para lutarem ao seu lado. Eles ficaram conhecidos como os Cavaleiros da Távola Redonda. Os homens escolhidos foram aqueles premiados com a mais alta ordem da Cavalaria, na corte do Rei Arthur. Acredita-se que o número de cavaleiros membros da ordem tenha ultrapassado 100. O local das reuniões da Távola Redonda eram Camelot. Os 12 membros eram Kay, Lancelot, Gaheris, Bedivere, Lamorak, Gawain, Galahad, Tristão, Gareth, Percival, Boors e Geraint.

Nas lendas, credita-se a Galahad a façanha de ter sido o único cavaleiro a encontrar o Santo Graal.

Cursed – A Lenda do Lago chega a Netflix no dia 17 de julho.

LEIA MAIS SOBRE SÉRIES