Se você gosta de filmes de suspense/terror muito possivelmente conhece a franquia ‘Invocação do mal‘.

Eles são descritos como ‘Baseado em fatos reais’, já que são descritos como alguns dos casos onde os demonologistas Ed e Lorraine Warren trabalharam ao longo de suas vidas.

Em ‘Invocação do mal 2‘, somos apresentados a uma entidade cujo nome é VALAK, que ganhou um spinoff para que pudéssemos nos aprofundar na história desta entidade. Mas será que assim como os casos dos Warren, a história de Valak também é real?

Pois bem, sim! A criatura é real e foi citada pela primeira vez no século XVII.

É conhecido por vários nomes, e é o 62º demônio d’A Chave Menor de Salomão, um grimório dividido em cinco partes e cuja autoria costuma ser atribuída ao Rei Salomão (citado no Antigo Testamento).

Diz a história que Salomão o teria “domado” durante seu reinado, dando instruções de como convocá-los para realizar desejos.

Mesmo os filmes o tendo o apresentado de uma forma distinta, o Ars Goetia (seção do grimório que descreve as entidades) afirma que ValaK se manifesta como uma criança com asas de anjo montado em um dragão de duas cabeças.

Sua especialidade seria dar respostas sobre tesouros escondidos e revelar a localização de víboras, entregando-as de forma inofensiva ao mago.

É importante ressaltar que, embora Salomão seja um personagem bíblico, o tomo sagrado não faz referência a qualquer um dos demônios citados no grimório em questão, e Ars Goetia é considerado um “livro proibido” pelo Vaticano.

LEIA MAIS SOBRE CURIOSIDADES