Um dos filmes mais aguardados para os cinemas em 2020 é DUNA, com toda certeza. A nova adaptação do livro homônimo de 1965 tem um elenco de peso, uma produção engajada em fazer dar certo, um diretor apaixonado e revolucionário e o embasamento de uma das histórias de scifi mais importantes da humanidade. Tem como dar errado?

Reuni aqui algumas informações super importantes para quem está chegando agora na nave DUNA para curtir bem o filme! A previsão, enquanto esse artigo está sendo escrito, é que DUNA chegue aos cinemas em 17 de dezembro!

Confira tudo o que você precisa saber sobre DUNA e seus impactos na indústria do entretenimento há mais de 60 anos.

DUNA é uma das histórias de scifi mais impactantes da literatura internacional e carrega em sua sombra uma legião de fãs super apaixonados e engajados… o que sempre dificultou muito o sucesso das produções audiovisuais de adaptação. Muitos fãs acreditam que nenhuma das produções feitas até hoje chegou aos pés do que DUNA realmente é.

SOBRE O QUE É DUNA?

DUNA é um livro de ficção científica escrito por Frank Herbert. Esse é, talvez, o mais importante e influente romance do gênero já escrito. Originalmente publicado em 1965, o romance é ambientado no futuro distante, onde casas nobres selecionadas de diferentes planetas devem sua lealdade a um poderoso Imperador.

A história se concentra em um jovem chamado Paul Atreides, cuja família assume a administração do planeta deserto Arrakis, também conhecido como Duna. Arrakis é a única fonte da especiaria melange, a substância mais importante e valiosa do universo, que permite viajar pelo hiperespaço e outras coisinhas mais.

Duna é (e sempre foi) uma história muito complexa e contemporânea que amplia discussões sérias como política, religião, rixas de casas nobres, amor e traição.

AS ADAPTAÇÕES DE DUNA

DUNA tem uma das melhores e mais impactantes histórias do universo literário e é de conhecimento geral que algumas grandes obras audiovisuais foram forte inspiradas no seu universo. Podemos citar aqui Star Wars e Game of Thrones (com suas casas nobres brigando entre si e sua figura messiânica central), principalmente, pela contextualização e até narrativa principal.

Confira algumas das principais adaptações de DUNA:

DUNA (1970)

O cineasta chileno Alejandro Jodorowsky tentou montar uma impactante produção de DUNA no início dos anos 1970, que envolveria a participação de artistas como Moebius e H.R. Giger. Orson Welles e Salvador Dali, e Pink Floyd ia até fazer a trilha sonora. Mas a visão de Jodorowsky era grande demais para uma Hollywood, onde a ficção científica ainda era considerada um gênero arriscado e pouco lucrativo. Em 2014, um  documentário chamado ‘Duna de Jodorowsky’, explicou tudo sobre o filme que nunca foi lançado do jeito que merecia originalmente.

DUNA (1984)

O filme originalmente seria dirigido por Ridley Scott, mas ele acabou desistindo do projeto. O diretor surrealista David Lynch acabou sendo convidado para o projeto pelo produtor Dino De Laurentiis. Como Star Wars fez muito sucesso na época, esperava-se que Duna fosse um grande sucesso também – considerando inclusive que a narrativa de SW é baseada fortemente no livro de DUNA. O filme teve US$ 40 milhões de orçamento, valor alto para a época, mas foi um fracasso de crítica e público.

O autor do livro Frank Herbert (já falecido) gostou muito da produção na época, mas na prática a opinião pública não embarcou mesmo na história. O diretor David Lynch não comenta sobre o filme até hoje, mas segundo consta nos anais da internet, a versão que foi para o cinema não foi a que ele editou. Atualmente, principalmente por conta da nova versão que chega em breve nos cinemas, o filme acabou sendo considerado cult e ficou até mais famoso do que quando foi lançado.

DUNA (2000)

Em 2000, o canal SyFy resolveu fazer sua própria adaptação para a TV. Foi produzida, então, uma minissérie de seis partes chamadas Frank Herbert’s Dune. A história teve um grande sucesso de audiência e gerou mais uma minissérie que combinou elementos do segundo e terceiro romance de Herbert.

Embora a versão televisiva fosse provavelmente mais fácil de seguir para os não-leitores do livro do que o filme de Lynch, ela foi prejudicada por seu orçamento relativamente baixo. Ainda assim, teve boas críticas. A Paramount detinha os direitos por vários anos, e os diretores Peter Berg e Pierre Morel estavam ambos ligados no projeto, mas o estúdio nunca começou a fazer o filme e os direitos caducaram.

DUNA (2020)

A nova versão de DUNA para os cinemas está nas mãos do diretor Denis Villeneuve – conhecido por sua ousadia e olhar particular para algumas histórias. Como DUNA ganhou histórias extras, escritas pelo autor original e é um romance inicial muito complexo e grande, Villeneuve diz que pretende fazer pelo menos dois filmes! O primeiro filme, inclusive, vai contar apenas metade do primeiro livro! Será que vai rolar?

Na nova adaptação de DUNA, Timothée Chalamet será o protagonista Paul Atreides, cuja família aceita controlar o planeta-deserto Arrakis, produtor de um recurso valioso e disputado por diversas famílias nobres. Ele é forçado a fugir para o deserto – com a ajuda de sua mãe – e se junta a tribos nômades, eventualmente liderando-as por conta de suas habilidades mentais avançadas. Dave Bautista será Rabban, sobrinho sádico de um barão que comanda Arrakis e também é chamado de A Besta. O elenco ainda conta com Oscar IsaacZendayaJosh Brolin e mais.

O primeiro trailer de DUNA já foi lançado pela Warner e você pode sentir um pouquinho do novo clima da história nele – vai ser SENSACIONAL!

A estreia está prevista para 17 de dezembro de 2020 e a sequência já está em produção.