Eu e o Panda conhecemos o Bruno Pinotti no Youpix Rio 2013 e ficamos apaixonados por sua paixão pelo mundo nerd. Paixão esta que ele faz questão de repassar ao seu pequeno filho – um mini Jedi assumido. Bom, depois de uma longa conversa e muitas risadas, Bruno disse ter interesse de escrever para a Coxinha Nerd e como somos uma família, colocamos mais água no feijão e abraçamos mais um Coxinho! 😉 Seja bem vindo Bruno, que a força esteja sempre com você!

Todo pai deseja compartilhar sua paixão com seu filho. Imagine então um Pai Nerd? Ao longo destes seis anos que passei a ter essa denominação, fui ensinando meu rebento a curtir basicamente tudo que eu curtia e, claro, também aprendi a curtir algumas coisas com ele, porém o ponto de convergência de nossos gostos são super heróis e Star Wars, até porque, para ele, os Jedis nada mais são do que os super heróis mais maneiros da galáxia. Nada mais justo então do que leva-lo à JediCon, maior evento relacionado à esse universo no Brasil.

Chegando lá, o lindo dia de sol contribuiu com o clima bastante familiar do evento. Famílias inteiras fantasiadas, crianças se divertindo, fãs apaixonados por todos os lados. Aproximadamente 10.000 pessoas estiveram presentes no evento que possuía um cardápio variado de atrações: Palestras com críticos de cinema, Humor Jedi com o comediante Fernando Caruso – fã assumido e membro do Conselho Jedi do Rio de Janeiro, show com um Mentalista realizando truques Jedi, show de música, rodas de leitura, exposições de arte, maquiagem, jogos e, talvez o mais legal pra garotada, a Academia e a Arena Jedi, onde os participantes puderam aprender a lutar como os grandes mestres jedis.

Uma atração também bastante concorrida, tanto para quem participava quanto para quem assistia, foi o concurso de Cosplay, que reuniu personagens de todos os filmes da saga espacial mais querida da galáxia.

Na gastronomia, uma curiosidade: chocolates temáticos. Também pudemos contar com uma área para o comércio de lembranças, desde camisetas até action figures, enfim, foi o momento especial onde o cartão de crédito pediu desculpas por não ter mais limite disponível e a patroa perguntava onde iria caber mais “quinquilharia” lá em casa.

Mesmo voltando pra casa duro, valeu a pena passar uma tarde imerso nesse universo que continua a fascinar muita gente, e de certa forma extremamente feliz de ver que, além de mim, outros pais nerds estão passando adiante essa paixão aos seus filhos.

Veja algumas fotos de Bruno e seu filho na Jedicon 2013 do Rio de Janeiro: