Triste acessar um site e ler a seguinte notícia:
“A onda de saques e violência em Londres está chegando ao quarto dia com 16 mil policiais na rua. Mas o governo diz ter encontrado a raiz da questão: o Blackberry, cujo mensageiro instantâneo (BBM) estaria sendo usado pelos vândalos para combinar os ataques. Por isso, a prefeitura quer desligar o BBM, que há um tempo atrás chegou a ser proibido na Arábia Saudita e irrita autoridades porque é criptografado – o que impede (ou dificulta) que a polícia grampeie as mensagens dos criminosos”.
Me lembro sempre daquela frase do tio do Homem Aranha – “Grandes poderes trazem grandes responsabilidades”. Acho que as pessoas esquecem o quanto estamos cercados por tecnologia. Não é desligando um servidor de troca de mensagens que a onda de violência do mundo vai cessar. Não é boicotando o acesso aos sites responsáveis pela grande parte da globalização hoje em dia – como ocorre na China – que você vai garantir uma “purificação de alma da raça humana”.
Bitolação tem limite minha gente…e ainda mais na época que estamos vivendo hoje em dia. Já foi tempo que esse tipo de “desconfiança” tecnológica colava. Tem algumas notícias que conseguem me irritar pelo simples fato de me chamar de “burra” e querer que eu aceite de bom grado…essa é uma delas. Se o governo da Inglaterra tem motivos maiores para bloquear o servidor do BBM, que o faça…se os motivos são secretos…que não me conte…agora não vem inventando desculpinhas de que terroristas estão utilizando a rede para se comunicar. Porque se os caras estão realmente fazendo isso, eles não vão parar os ataques só porque o servidor do Blackberry foi bloqueado.
Aliás, nesse exato momento, que a notícia já está correndo o mundo, eles já devem estar no msn, ou no gtalk, ou no chat do facebook ou em qualquer outro tipinho de bate papo conversando sobre como o governo é idiota de divulgar esta informação e sobre como eles são espertinhos de conhecerem outros tipos de chats. Faça-me o favor pessoas, não me chamem de burra e esperem que eu aceite isso de bom grado. Eu penso – que isso fique bem claro.
É uma pena o que está acontecendo em Londres, é uma tristeza que uma população esteja assustada com a onda de violência, mas acho mais pena ainda que nossos canais de comunicação estejam focados nos problemas alheios, quando temos problemas iguais ou maiores ocorrendo todos os dias em nosso país.
Enfim…vamos ver no que isso vai dar…e vamos continuar acompanhando a brilhante cobertura da imprensa sobre o “Caso da Inglaterra”…ai ai…
Compartilhe: