Uma ponte entre espiões: Livro e Filme!

No fim da década de 50, em meio ao conflito entre russos e americanos na Guerra Fria, o agente da KGB Rudolf Abel era um dos nomes mais importantes do quadro de espiões da URSS. Disfarçado como fotógrafo em um pequeno estúdio no Brooklyn, comandou durante nove anos toda a operação russa nos EUA e só foi preso, em 1957, quando um compatriota o traiu e entregou para o FBI. Responsável pela defesa de Abel no tribunal, o advogado e militar americano James B. Donovan acabou desenvolvendo uma relação com Abel. Os detalhes desta história são contados por Donovan...

Vem saber mais....