Com uma mistura de mitologia, arqueologia, segredos de família e psicologia criminal, O silêncio da cidade branca da autora EVA G. SÁENZ DE URTURI é um thriller macabro emocionante que deu origem ao filme homônimo disponível na Netflix.

Com personagens extremamente complexos e uma trama muito bem construída, o livro é o primeiro de uma trilogia que já vendeu mais de 1 milhão de exemplares, e cuja última parte foi, ao lado de Pátria, de Fernando Aramburu (Ed. Intrínseca), um dos mais vendidos na Espanha, em 2019.

Duas décadas após uma série de estranhos assassinatos assolar a cidade de Vitoria, no País Basco, os bizarros crimes do passado voltam a acontecer justamente quando Tasio Ortiz de Zárate, antiga celebridade local e o homem preso pelas mortes, está prestes a sair da cadeia.

Casais começam a aparecer mortos em locais históricos da cidade, e o especialista em perfis criminais Unai López de Ayala, que vinte anos antes era apenas um jovem obcecado pelos misteriosos homicídios, é chamado para ficar à frente do caso. Todas as vítimas têm idades múltiplas de cinco, sobrenomes compostos originais da região, e seus corpos são expostos sem roupas nos espaços públicos. Embora tenha que lidar com uma tragédia pessoal enquanto lidera a investigação, Unai está determinado a impedir que novos assassinatos aconteçam, mas seus métodos pouco usuais vão desagradar tanto autoridades quanto seus superiores.

Um thriller com ares sobrenaturais, além de elementos de ficção histórica e romance policial, que explora como os erros do passado podem marcar profundamente o presente.

O livro, publicado pela Editora Intrínseca já está as vendas em lojas físicas e Online!

LEIA MAIS SOBRE LIVROS