As séries que eu preciso assistir

-por , em 11/04 -
As séries que eu preciso assistir

Séries são o que não faltam no cardápio da TV. Para cada uma série que chega ao seu final, existem mais três, quatro que começam sua trajetória. Partindo deste princípio e também contando com o fato de que eu não disponho de muito tempo pra caçar séries novas, estou propondo um desafio: buscar outras séries já existentes e completamente novas pra mim e (tentar) acompanhá-las o máximo possível. E melhor ainda, as melhores das melhores, ganharão review meu aqui no Coxinha – claro que para isso, vocês, caros leitores e acompanhadores de séries terão que me ajudar dando suas opiniões.

Pois bem, fiz uma pesquisa prévia e separei aqui algumas séries que eu fiquei interessada e curiosa em começar a acompanhar. Não existe um critério específico para esta pré-seleção: não há um gênero específico que eu prefira ou algum ator/atriz/diretor (ok, em um dos casos o produtor pesou bastante). Basicamente o único critério é a história e enredo. Ah sim: eu nunca assisti cena alguma de praticamente nenhuma destas séries, apenas pesquisei a fundo suas sinopses, mas o meu entendimento, é claro, está sujeito a falhas. Me corrijam caso eu diga besteira sobre elas aqui.

 

1 – True Detective

True Detective

Nos últimos meses eu ouvi falar demais desta série da HBO que tem o Matthew McConaughey, agora “oscarizado”  no papel principal junto com Woody Harrelson. Segundo as várias sinopses que eu li a respeito, a história se centraliza em dois detetives que investigaram um caso de assassinato nos anos 90 e são solicitados para depor nos dias de hoje sobre o mesmo caso que ainda não foi solucionado. Vi diversos elogios de crítica especializada e telespectadores pois se trata de uma dinâmica bem diferente com elenco, roteiro, fotografia e maquiagem bastante caprichados. A primeira temporada tem oito episódios e já acabou.

Porque eu não vi ainda: porque não tive tempo de pesquisar melhor sobre ela antes, afinal ela é bem recente.

Porque eu quero assistir: porque a história parece bastante interessante e porque faz um sucesso estrondoso. E no universo das séries, ao contrário várias outras coisas, quanto mais pop, melhor.

 

2 – Sherlock

Sherlock

Outra série do ramo policial, mas baseado num personagem clássico da literatura – Sherlock Holmes. Aliás, é a própria obra de Sir Conan Doyle, em versão, hum, adaptada para os dias atuais e transmitida pela BBC.

Os contos de Sherlock Holmes tem uns 200 anos, os casos se passam lá pelo século 19 e desde criança (os livros de Sherlock Holmes foram alguns dos primeiros que eu li na vida) estou acostumada com isso. Já vi todas as adaptações para o cinema e apesar do meu posicionamento ultra conservador sobre toda a obra, eu gosto demais do Sherlock Holmes do Robert Downey Jr., de longe o mais escrachado e talvez destorcido da personalidade do personagem original. Desenvolvi um preconceito muito grande pela série sem nunca ter assistido nada pelo simples fato de não conseguir imaginar Holmes (ele é chamado de HOLMES e não de Sherlock, cazzo!) resolvendo os pepinos da corte em plenos anos 2010.

A Natalia, também daqui do blog é fã da série e vive insistindo pra que eu assista logo e mate o preconceito. Resisti durante muito tempo, mas confesso que finalmente estou começando a criar curiosidade e coragem.

Porque eu não vi ainda: porque pra mim ainda me soa muito estranho um Sherlock Holmes de celular, por exemplo.

Porque eu quero assistir: pra ter certeza que de fato, Holmes no celular é bizarro (embora eu nem saiba se em algum momento ele usa um celular na série).

 

3 – House of Cards

houseofcards

Eu confesso que ainda não assisti por pura falta de vergonha na cara. O tema é bacanudo (séries sobre a política americana sempre são boas), Kevin Spacey é mito, a série tá aí disponível e eu simplesmente ainda não comecei a ver. Só vi elogios sobre a série e minha curiosidade nem foi atiçada por eu ser maria-vai-com-as-outras. Mas é porque nos reviews ela parece ser ótima mesmo.

Porque eu não vi ainda: falta de tempo e de vergonha.

Porque eu quero assistir:  é a série preferida do Obama. Tem alguma coisa ali que tem que ser vista.

 

4 – Boardwalk Empire

Boardwalk-Empire

Por questões lógicas, de todas as séries aqui listadas esta não deveria constar. Não porque não mereça a minha atenção, muito pelo contrário: porque MERECE. Boardwalk Empire é do roteirista Terence Winter, que é responsável, entre outros, por boa parte das risadas que eu dei em O Lobo de Wall Street e também foi roteirista de Família Soprano (outra série que vergonhosamente eu não acompanhei direito). Ah sim, mas há uma razão bem mais plausível e lógica pra isso: porque é uma série by Martin Scorsese.

Tanto é que o piloto episódio foi especialmente dirigido por Scorsese que é produtor executivo da série que se passa nos anos 20 durante o período da lei seca nos EUA. Fala sobre crime organizado, gângsters (pelo menos foi o que eu entendi) e é mais que aclamada pela crítica e por amigos meus que acompanham a série. Acho que nunca priorizei pra assistir porque estou muito acostumada com o Scorsese do cinema e acabo (erroneamente, creio eu) ignorando o trabalho dele na TV.

Porque eu não vi ainda: essa foi falta de tempo e empenho mesmo. Falha minha.

Porque eu quero assistir (e logo): não só por ser do Scorsese ou por ser boa: também porque está na última temporada.

 

5 – Mike & Molly

mike molly

A única comédia que eu separei é também a única que eu tenho um conhecimento maior porque cheguei a assistir alguns episódios da 1ª temporada, mas parei. A saga do casal de gordinhos que se conhece num encontro dos Comedores Anônimos e lidam com suas famílias, amigos e problemas do cotidiano na verdade tem um desenrolar bem bobinho e nada inovador. Mas além de ser engraçada, é a única comédia estilo sitcom  depois de The Big Bang Theory  que realmente me chamou a atenção.

Porque eu não vi ainda: os primeiros episódios eu vi sim. Mas mudanças na grade, outras séries e etc. me fizeram desistir, mas com ressalvas.

Porque eu quero assistir: porque é engraçada e tem a Melissa McCarthy que eu adoro desde Gilmore GirlsAliás, vale lembrar que como Molly ela já ganhou alguns prêmios, inclusive um Emmy.

Lançado o desafio: vou assistir os primeiros episódios destas séries e decidir se vou acompanhá-las em definitivo ou não. Mas vocês, leitores queridos, por favor me ajudem: tragam sugestões de outras séries, de reviews, seus comentários sobre estas aqui listadas e sobre o Universo e tudo o mais. Sua opinião é importante para nós 🙂

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você