Reviravoltas em The Walking Dead!

-por , em 27/02 -
Reviravoltas em The Walking Dead!

Olá Coxinhos! Mais uma semana tensa em The Walking Dead? Na-na-ni-na-não. Como muitos puderam ver nas redes sociais, os fãs não curtiram muito o andamento do episódio 11, que nos trouxe mais um passar de história do que eventos assassinos e de sobrevivência. Aparentemente os fãs já se acostumaram mesmo com os episódios hard core e não conseguem mais aceitar os episódios lenga lenga que todo seriado tem.

 

O episódio 11 de The Walking Dead começou no ritmo que terminou o episódio 10, as pessoas na prisão, transtornadas pela invasão inesperada do Governador e ainda perdidos ao redor do Rick aguardando uma decisão sobre o que farão. Para começar a balançar o coreto, nada melhor do que o grito que o Hershel deu com o Rick: “Rick, você pirou e todos nós sabemos disso. Então bote sua cabeça no lugar e faça alguma coisa!”. Pela primeira vez, aplausos para o veinho.

 

[Pausa para comentar a musiquinha cantada pela filha de Hershel, essa menina só sabe cantar? Booooring!]

 

the walking dead 3

 

Não vou falar bem da Andrea só porque ela pegou um zumbi, seguiu os passos de Michonne e foi encontrar os amiguinhos na prisão. Sério, ela tentou jogar uma historinha de que ia apaziguar a situação, mas ela só foi lá para fazer fofoca e aumentar a pena dos amiguinhos abandonados e solitários. Não curti, achei desnecessária esta visita e, sinceramente, acho que atrapalhou mais a galera do Rick do que qualquer outra coisa, até porque, eles sabem que não vale a pena ficar ali, já que ela retornou para Woodburry.

 

Enfim, outro ponto alto do episódio para mim foi a conversa de Carl com Rick, rápida, rasteira, mas cheia de profundidade. O menino, com uma frase, conseguiu, finalmente, balançar o coreto de Rick: “Pai, você deveria parar de ser líder”. Isso, sendo ouvido por um pai, um herói, um exemplo, um guerreiro, como o Rick se considera, coloca qualquer alto estima lá embaixo. Vamos ver como ele vai lidar com esta situação – já pudemos ver um pequeno exemplo, Rick decidiu ir (no próximo episódio, que é o dia seguinte na história), para Woodburry.

 

Podem esperar por: Carl enfrentando aquele menino asmático do exército mirim do governador. Isso tudo não foi enfatizado a toa, vai por mim. Preciso parabenizar oficialmente aqui a equipe de maquiagem de The Walking Dead – o olho do governador estava fenomenal na retirada do curativo. Fantástico – mas aí, depois que achei super bem feito e bem criado, lembrei que os caras já fazem maquiagens mega elaboradas de zumbis há 3 anos, então não é lá grandes coisas assim.

 

the walking dead 2

 

Momento conselho da Carol: “Transe com ele Andrea, dê o seu melhor em uma noite e quando ele apagar, termine isso de uma vez por todas”. O que a Andrea ouviu no final das contas: “Transe com ele.”. E foi isso que a loirinha chatonilda fez, chegou em Woodburry, disse pro Governador que a condição de seus amigos era precária e depois: pá! Cama do governador. Completamente inútil essa pessoa, completamente inútil!

 

O retorno de Tyresse e sua turminha foi providencial, tudo o que o Governador estava precisando. De pessoas que consideram o Rick uma pessoa completamente insana e que conheçam a estrutura da prisão. Acho que podemos esperar fortes emoções para os próximos episódios, afinal, até musiquinha de tema rolou na cena final do episódio 10 – coisa que eu raramente vejo em The Walking Dead!!

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

Dúvida: Porque a Maggie não matou Andrea quando ela estava na mira?
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você