Welcome to the DJANGO! [Sem Spoiler]

-por , em 15/02 -
Welcome to the DJANGO! [Sem Spoiler]

Tarantino é, de longe, um dos meus diretores/roteiristas favoritos. Seus filmes explodem cabeças mundo afora sempre que são lançados! Django não deixa a desejar no quesito “Tarantino’s Mind”, pode ter certeza. Se você ainda não viu, precisa ver urgentemente! Você vai rir, se divertir, torcer e se horrorizar com o quanto Tarantino consegue se aprofundar no que parece não ter solução!

 

Finalmente fomos ver Django – mais um resultado da mente cheia de maluquices de Quentin Tarantino. Antes de mais nada, não se preocupem, não darei spoilers aqui, vou apenas comentar o que achei do filme e porque faço questão de indicá-lo a todos vocês. Vai por mim: vale muito a pena assistir. Depois de quase quatro anos longe das telonas como roteirista, Tarantino mostra que consegue atingir qualquer público em qualquer momento, e que momento!

 

Se você curte os filmes de Tarantino, com certeza já deve esperar algo bom de Django antes mesmo de ir ao cinema. E sabe porque? Porque o cara é simplesmente fenomenal! Ele consegue fazer ligações, intrigas e mistérios onde não existe nada! Ele faz um filme com vários finais, todos muito bons diga-se de passagem, e em Django, especificamente, Tarantino conseguiu convencer até mesmo quem não curte filmes de faroeste que o tema é bom e vale a pena. Eu, particularmente, adoro filmes de faroeste, então ele não precisou me convencer de nada! Eu já sabia que Django seria perfeito.

 

O filme tem um tom leve de comédia boba, sem piadas muito elaboradas. Tem “moral da história”, se é que podemos chamar assim. Tem muito bang bang (e de um jeito bem Tarantino de ser). Tem romance (porque sempre precisa ter um). Tem músicas inusitadas e simplesmente fantásticas. Aliás, a trilha sonora é um tema a parte nesse filme. A sensação que temos é que Tarantino não coloca a música que combina com a cena, ele coloca a música que a nossa mente precisa ouvir para que processe melhor a cena! Entendeu? Ou eu estou Tarantinando demais?

 

calvin candie django

 

Um outro ponto que vale a pena mencionar é a perfeição na escolha dos atores. Jamie Foxx está simplesmente perfeito na pele de Django – desde sua primeira aparição até a última, o cara está fantástico. Christoph Waltz interpreta Dr. King Schultz e, posso defender aqui, de forma brilhante também – que humor, que expressões e que atuação. Samuel L. Jackson, é simplesmente, mais uma vez, Samuel L. Jackson, só que agora na pele de Stephen – um personagem que faz você dar boas risadas durante o filme. E finalmente, Leonardo DiCaprio, interpretando Monsieur Calvin Candie – caricata demais, engraçado e extremamente expressivo (na luta pelo lugar de “personagem favorito” do filme).

 

A atriz Kerry Washington interpreta Broomhilda, uma personagem bastante carismática e a interpretação da atriz está ótima também. Se eu for falar o nome de todos os atores e personagens, precisarei fazer um post apenas sobre esse tema, todas as escolhas para o filme foram ótimas, claro que tivemos mais uma vez a participação de Tarantino que segue a linha Stan Lee e Woody Allen de ser. 😉 Mas eu não conseguiria jamais escolher um personagem favorito, se for para votar em alguém, voto na obra completa.

 

Django é minha mais nova paixão, acaba de ir para a prateleira de filmes perfeitos de Tarantino e espero que, se você ainda não viu, corra logo para ver. Vamos agora esperar a próxima criação DO CARA, com certeza será perfeita também e nos levará correndo para a sala de cinema mais próxima. E se seu primeiro filme de Tarantino foi Django, corra aqui neste link, conheça seus filmes e assista a todos eles, você não irá se arrepender!

 

Fique agora com o vídeo Tarantino’s Mind, que eu não me canso de ver:

 

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

Querendo Django 2, 3, 4, 5… Ou um novo filme do Tarantino logo!
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você