Olá povo tudo bem? Hoje vim falar de um seriado que adoro é tão nonsense que por isso que eu gosto, é um seriado da época dos meus pais chamado Diff´rent Strokes no Brasil como Arnold, mas é muito engraçado só pude conhecer quando passou num canal de TV aberta, então a famosa frase Que papo é esse Willis? Ai é só risada, infelizmente a maioria dos atores veio a falecer, apenas o Todd Bridges permanece vivo e participou do seriado Todo Mundo Odeia O Cris!

 

Conhecendo os atores:   Arnold Jackson (ator: Gary Coleman) é um garoto de oito anos que foi adotado pelo patrão de sua mãe quando ela morreu junto com seu irmão chamado Willis, que morava no Harlem (um local pobre de Nova Iorque). Na série, Arnold se envolve em grandes confusões, relacionadas ao racismo, preconceito, desigualdade social, problemas relacionados também ao fato de duas crianças negras conviverem em um ambiente somente com pessoas brancas; além de viver em um bairro de brancos, Arnold sofre, devido a sua “falta de tamanho”. Sim o ator sofre de nanismo.   Arnold começa a série com uma idade menor do que sua idade real (Gary Coleman), pelo fato de sofrer de uma doença que impede seu crescimento. Por esse motivo, Arnold Jackson se sente muito desconfortável, e durante vários episódios ocorre uma aceitação de Arnold na sociedade.   Sr. Phillip Drummond, (ator: Conrad Bain) é o pai adotivo de Arnold e Willis e pai biológico de Kimberly é um senhor rico que leva a vida sem nenhuma forma de preconceito ou racismo, em razão disto, adota Willis e Arnold. Durante a série ele luta contra várias formas de preconceito e racismo, chegando a perder “amigos” e ganhar amigos.

 

ArnoldArnold (2)Arnold (1)Arnold (3)Arnold (4)

 

Willis Jackson (ator: Todd Bridges ) o irmão biológico de Arnold, adora se meter em confusões adolescentes relacionadas a namoro, trabalho, e muito mais, inclusive relacionadas ao fato de não poder administrar o dinheiro e “pegar emprestado” o carro do pai, a casa, etc. E falar que são de sua posse. Willis Jackson participou de Todo Mundo Odeia o Cris como Monk sobrinho do Doc e trabalha na loja com ele. Sofre de mania de perseguição e sempre veste roupas militares, alegando ser um legítimo fuzileiro naval americano.

 

Kimberlly Drummond (atriz: Dana Plato) é uma adolescente “certinha”, que ao contrário de Willis não se mete, mas tira os outros de confusões; além disso, sempre defende os irmãos. Pelo fato de também ter perdido sua mãe, Kimberlly, Arnold e Willis são bastante unidos.

 

A série conta com diferentes empregadas, somando 3 no total. Com início em 1978 a série teve 189 episódios no total de 8 emporadas.
Mas o paradoxo elementar de Arnold (Diff’rent Strokes) fenômeno de fofura, era hipocrisia, como “episódios especiais” impiedosamente que foi pregado honestidade, sobriedade e “apenas dizer não” (as drogas), tornou-se tão distintamente que restaram na vida real das estrelas da comédia, a pornografia, falência, drogas, violência e crime.

 

Em 4 de setembro de 2006, a NBC exibiu um documentário drama intitulado Behind the Camera: The Unauthorized Story of Diff’rent Strokes (A história não contada de Arnold). O filme, que narra a ascensão e queda das estrelas da comédia, também apresenta entrevistas com o Coleman e Bridges. Os dois também estrelam o filme brevemente na cena final, ambos de pé diante do túmulo da atriz Dana Plato, que se suicidou tragicamente em maio de 1999.

 

 

Perfil Hélida

Hélida Garcia

Que papo é esse Willis?
Facebook | Twitter

Compartilhe: