Coisas que você precisa saber antes de morrer!

-por , em 04/11 -
Coisas que você precisa saber antes de morrer!

Curiosidade nunca é demais, quem nunca paquerou alguém jogando um verde sobre um tema? E isso vale para a galera da antiga que badalava pessoalmente e para a galera que badala sábado a noite na internet! O importante é ter o conhecimento, é saber tudo o que rola, do mais importante conteúdo até a coisa mais bizarra como os gatinhos memes do Facebook! É tanta coisa legal, curiosa e engraçada que acabamos caindo naquele limbo de não saber se tudo o que lemos é verdade ou não. Então vou fazer um trabalho de utilidade pública aqui e revelar para vocês algumas coisinhas que todos precisam saber obrigatoriamente antes de  morrer! Não é apelação, o negócio é muito sério! 😉

Depois me digam lá no final do post se já sabiam de alguma coisa dessa lista!

papai noel

A imagem do Papai Noel foi reinventada pela Coca Cola!

A imagem do Papai Noel como conhecemos hoje foi criada em 1931 por um sueco beberrão chamado Haddon Sundblon, numa tentativa extremamente bem sucedida da Coca-Cola em conquistar o público infantil. Pensando em agarrar cedo a próxima geração de consumidores, a Companhia investiu na publicidade dirigida a menores de 12 anos, mesmo havendo um grande tabu quanto a isso na época. Esse enfoque acabou reformulando a cultura popular americana. O Papai Noel de Sundblon era o homem da Coca-Cola perfeito – eternamente alegre, alto, vermelho vivo, metido em situações engraçadas envolvendo um conhecido refrigerante como recompensa por uma dura noite de trabalho entregando brinquedos. Antes das ilustrações de Sundblon, o santo do Natal fôra variadamente vestido de azul, amarelo, verde ou vermelho. Na arte européia ele era em geral alto e magro, ao passo que Clement Moore o descreveu como um elfo no “The Night Before Christmas”.

tetris

O jogo Tetris vendeu mais de 50 milhões de cópias desde a sua criação!

O Tetris, um dos mais populares jogos de computador, foi criado em 1984 pelo matemático russo Alexey Pajtnov. Desde então, venderam-se em todo o mundo mais de 50 milhões de cópias. Foram criadas cerca de 40 variantes diferentes. Em 1996, Pajtnov foi contratado pela Microsoft para cuidar da sua área de jogos.

ninendo

Nintendo, a centenária empresa de video games!

A Nintendo foi fundada em 1889 por um artesão chamado Fusajiro Yamauchi, no Japão. A empresa, que é hoje uma das líderes mundiais no mercado de video games, produzia cartas de baralho chamadas Hanafunda, um conhecido passatempo da época, partindo para a América 20 anos depois, com baralhos ocidentais. Apenas em meados da década de 50 é que a empresa entrou no ramo de brinquedos, até que em 1975 assinou um contrato com a Magnavox, distribuindo o velho Odissey no Japão. Dois anos mais tarde, eles lançaram sua própria plataforma em parceria com a Mitsubishi Electrics, o Color TV Game 6, que rodava algumas versões diferentes de Tênis e vendeu seis milhões de cópias.

monstro ness

Anotações do fotógrafo que registrou o monstro do Lago Ness revelam farsa!

O enigma do monstro pré-histórico do Lago Ness, na Escócia, que intrigou o mundo, morreu com seu criador, Hugo Gray, no início dos 80. Em 1933, Gray, fotógrafo amador, exibiu fotos em que uma sombra gigantesca sugeria a existência do monstro no lago. Quando Gray faleceu, anotações encontradas entre seus papéis revelaram que ele montara a farsa com o intuito de atrair turistas.

pac man

Personagem Pac Man foi inspirado em pizza!

O Pac-Man foi criado por Tohru Iwatani, designer do jogos da Namco do Japão, em 1980. O personagem foi idealizado durante um jantar entre amigos, inspirado em uma pizza com uma fatia faltando. Seu nome original, logo abandonado pela companhia, era Puck-Man. A mudança do nome foi decidida para evitar que “Puck” virasse um trocadilho maldoso entre falantes da língua inglesa.

homem das neves

Existiu o abominável homem das neves?

Os jornais deixaram de falar sobre Ieti, o “abominável homem das neves”, porque se descobriu que era uma fraude montada pelos sherpas, nativos que vivem no sopé do Everest. A não ser eles, não há quem tenha visto o tal monstro branco e peludo. Os sherpas vivem do turismo, e por isso criaram a lenda assustadora, estratégia usada diversas vezes, diga-se de passagem, na história da humanidade. Para alimentar o mito, vendem – a bom preço – como sendo do homem das neves, pedaços de pele do urso azul, animal nativo da região.

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você