Bom, pessoas… O que podemos falar desse 17º episódio da 3ª temporada de OUAT, The Jolly Roger? Sabe que eu até fiquei curiosa com este título, afinal, fiquei imaginando qual seria o motivo de o navio de Hook ser tema de um episódio. E no final foi explicado, achei meio triste, mas foi. Tem mais a ver com o cerne de Hook do que com a Jolly Roger (sim, é um navio, mas é “she” para o capitão), mas vamos ao enredo para entendermos melhor a situação.

Aconteceram várias coisas neste episódio, e mesmo assim, pode-se dizer que ele não foi dos mais emocionantes, como costumam ser. Pelo menos, não senti aquela imensa empolgação como nos outros episódios, mas como disse,  não dá para dizer, que de certo modo, não foi importante. Dessa vez, vou começar pelas partes que não foi o tema principal do dia. Para começar, o ciuminho que Charming e Snow estão de Henry junto com Killian. Henry tem que ser “olhado” constantemente, mas, sério minha gente, está me irritando demais esse Henry não serve para nada. Que coisa inútil manter um personagem assim, sem lembrar e praticamente um encosto. Tudo bem, ele está servindo para aproximar Hook de Emma, mas mesmo assim… Que coisa irritante! #pronto falei.

Vimos também que Emma decidiu aprender magia com Regina para tentar derrotar Zelena, afinal, a Wicked é uma bruxa muito poderosa, e sim, faz sentindo unir forças par derrotá-la. Pela primeira vez, seus pais não se opuseram e foi interessante ver  a Rainha Má ensinando a Salvadora a praticar magia. No meu ver, Emma é meio como Zelena, uma bruxa/feiticeira/sei lá o quê nata… De repente, a “força”de ambas se equiparem. Espera que já voltou aqui.

E vimos também que tivemos a participação da Ariel, sem ser a Ariel, a Zelena disfarçada para conseguir uma coisinha de Hook. Como disse, o episódio, por mais que tivesse o nome de seu navio, se tratou do verdadeiro eu de Killian (como eu já disse, no meu ver). Com relances do ano em que eles passaram na Floresta Encantada e que todos esqueceram, menos Hook, mostrou o seu navio, a Jolly Roger, que fora roubado pelo capitão Barba Negra e ele queria desesperadamente reavê-lo. Mas, ele só descobriu isso, porque Ariel foi atrás dele pensando que ele tinha sequestrado Eric, sendo que foi o Barba Negra.

Resumindo a história, por Ariel ter dito para Hook de Barba Negra, pelo código dos piratas, Hook deveria cumprir alguma coisa para a sereia, claro, ajudar a salvar Eric. Ele encurrala Barba Negra, consegue reaver Jolly Roger matando o antigo capitão, porém, Barba Negra disse que Eric morreria se ele o matasse. Hook matou o rival e ficou subentendido que Eric também, ou seja, consciência pesada para o nosso lindo Ganchinho.

Hook e Barba Negra

Isso fica evidente quando Ariel aparece em Storybrooke procurando Eric e cara de Hook foi piorando cada vez mais, até que ele confessa à Ariel o que aconteceu, que é claro, fica desolada, bate nele, cena de novela mexicana e tudo mais… Hook se arrepende amargamente do que fizera, falando que estava com o coração partido, admite que ainda ama a mulher que o partira, a sereia faz ele jurar seu arrependimento pelo nome da amada, ele jura e de repente, um feitiçozinho verde sai das mãos da Ariel para boca do pirata.

Hook feitiço

Não, não era Ariel, era Zelena disfarçada, querendo arrancar o juramento de Hook para enfeitiçá-lo e, agora, se ele beijar Emma, ela perde os poderes mágicos. Gente, triste, ele não pode beijá-la, mas, falemos das deduções do pirata. Se Zelena precisou isso, é porque Emma tem um algo a mais que impede que a Wicked a derrote. É… Isso é de se pensar. A Emma é bem mais poderosa do que pensamos e muita coisa ainda está por vir.

Olha, fiquei desolada com essa história de Hook e, sinceramente, estou amando a projeção que o personagem está tomando. Estou ansiosa para que ele fique com a Emma. E vamos combinar, a Zelena é bem inteligente mesmo… Isso quer dizer que muita coisa ainda vai acontecer…O negócio é aguardar. Então, aguardemos e até a próxima, pessoas!

Compartilhe: