Seguindo na saga de posts sobre os indicados ao Oscar 2016, que tal falar de indicados ao prêmio de melhor diretor ou então das categorias coadjuvantes que quase ninguém comenta? Essa premiação do Oscar 2016 está bombástica, cheia de gente talentosa, cheia de filmes maravilhosos, produções originais e adaptações incríveis – tudo tá valendo muito a pena de acompanhar. Aliás, se você ainda não tá sabendo quem são todos os indicados, segue abaixo a lista de posts que já fizemos até agora. A premiação vai ao ar no próximo domingo, dia 28 de fevereiro de 2016, no canal de TV por assinatura, TNT.

Para deixar vocês super por dentro do que está rolando de indicações e favoritos, estamos fazendo uma série de posts – já fizemos sobre os melhores roteiros originais e adaptados, os melhores e as melhores coadjuvantes, as animações indicadas, sobre os filmes indicados ao prêmio principal, sobre as grandes estrelas – as atrizes indicadas e sobre os grandes astros – os atores indicados – também! Clique nos links para ler tudinho! Nos próximos dias, teremos mais posts indicando as categorias técnicas, os documentários, tudinho! Então fiquem ligados aqui no blog que todo dia tem novidade!

Vamos começar com os indicados ao prêmio de melhor diretor:

ALEJANDRO IÑARRITU – O Regresso (The Revenant)

Sobre o diretor: Mais uma vez Alejandro trouxe um longa adorado pela Academia. “O Regresso” recebeu 12 indicações e lidera a premiação do Oscar 2016. Isso já mostra o quanto o filme está sendo considerado pelos votantes – apesar que o recente “Lincoln” teve o mesmo número de nomeações e saiu apenas com 2 vitórias. Contudo, Alejandro ganhou ano passado como Melhor Diretor por “Birdman” e a possibilidade de ganhar na categoria de forma consecutiva não se mostra muito positiva – no histórico do Oscar houve apenas dois registros: John Ford 1941/1942 e Joseph L. Mankiewicz 1950/1951. Não é impossível!

Iñarritu já recebeu três indicações ao Oscar, por Babel, Birdman e O Regresso – ele levou a estatueta para casa por Birdman.

o quarto de jack oscar 2016

LENNY ABRAHAMSON – O Quarto do Jack (Room)

Sobre o diretor: A surpresa desta edição do Oscar 2016 de Melhor Diretor. “O Quarto do Jack” foi mais admirado pela Academia do que muitos imaginavam. O nome de Lenny completa as vagas da categoria, muitos já consideram a sua nomeação como uma grande vitória. Por isso, vários especialistas não estão apostando suas fichas no diretor novato. Outros falam que é novamente um revival do ano de 2013 com a nomeação inesperada de Benh Zeitlin por “Indomável Sonhadora” – e esse mesmo diretor estreante também perdeu a estatueta para um veterano, que foi Ang Lee.

Essa é a primeira indicação de Lenny ao Oscar.

TOM MCCARTHY

TOM MCCARTHY – Spotlight: Segredos Revelados (Spotlight)

Sobre o diretor: Do inferno ao céu? Ano passado, Tom lançou no início do ano, nos EUA, o filme “Trocando os Pés”, um fracasso e por pouco foi nomeado ao Framboesa de Ouro 2016 como Pior Diretor! Mas tudo mudou com a estreia de “Spotlight”, um dos primeiro longas confirmados na corrida do Oscar 2016. Depois de alguns altos e baixos se o seu nome realmente estaria entre os indicados, Tom mostrou sua força com a nomeação ao PGA. Alguns acham que “Spotlight” é um típico filme da Academia e podemos ver uma repetição do caso “O Discurso do Rei” – em que o seu diretor também ganhou a estatueta.

Essa é a primeira indicação de Tom ao Oscar.

ADAM MCKAY

ADAM MCKAY – A Grande Aposta (The Big Short)

Sobre o diretor: Adam é um nome que subiu aos poucos na corrida na medida em que seu longa também passou a ser nomeado nas principais premiações pré-Oscar. O lançamento de “última hora” de “A Grande Aposta” foi o momento certo – por pouco perdeu os holofotes como “Os 8 Odiados” e “Joy” na demora da divulgação – tanto que embaralhou e assustou muitos candidatos na corrida. Apesar do sucesso da produção, os especialistas não conseguem ver (neste momento) chances de estatueta para o diretor. Outros acreditam que os votos podem se distribuir entre Alejandro, George e Tom, e assim Adam subir.

Essa é a primeira indicação de Adam ao Oscar.

GEORGE MILLER

GEORGE MILLER – Mad Max: Estrada da Fúria (Mad Max Fury Road)

Sobre o diretor: Com filmes como a trilogia original de “Mad Max”, George Miller é o mais experiente do grupo e talvez o mais esperado pelo público que torce por sua vitória. A direção de Miller foi considerada uma verdadeira aula de cinema e para os críticos uma das melhores do ano. Porém, muitos especialistas não acreditam que “Mad Max” vá levar como Melhor Filme, mas isso não quer dizer que afetará em Melhor Diretor. Há boas chances de Miller levar a estatueta de Diretor pela primeira vez. Nos últimos 5 anos, dois vencedores de Melhor Diretor não tiveram seus longas vencedores.

Essa é a primeira indicação de George ao Oscar.

Agora vamos às categorias coadjuvantes?

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

melhor filme estrangeiro oscar 2016

Filho de Saul (Hungria): Essa é a 51º vez que a Hungria envia um filme para consideração do Oscar.

Theeb (Jordânia): Essa é a 2º vez que a Jordânia envia um filme para consideração do Oscar. ​​

O Abraço da Serpente (Colômbia): Essa é a 24º vez que a Colômbia envia um filme para consideração do Oscar.

A War (Dinamarca): Essa é a 53º vez que a Dinamarca envia um filme para consideração do Oscar. ​

Cinco Graças (França): Essa é a 60º vez que a França envia um filme para consideração do Oscar. ​

MELHOR DOCUMENTÁRIO

melhor documentario oscar 2016

Amy: Os responsáveis pelo documentário são Asif Kapadia e James Gay-Rees.​

What happened, miss Simone?: Os responsáveis pelo documentário são Liz Garbus, Amy Hobby e Justin Wilkes​.

Winter on fire: Ukraine’s fight for freedom: Os responsáveis pelo documentário são Evgeny Afineevsky e Den Tolmor​.

O Peso do silêncio: Os responsáveis pelo documentário são Joshua Oppenheimer e Signe Byrge Sørensen​.

Cartel Land: Os responsáveis pelo documentário são Matthew Heineman e Tom Yellin.

MELHOR CURTA METRAGEM

MELHOR CURTA METRAGEM OSCAR 2016

Ave Maria: Os responsáveis pelo curta são Basil Khalil e Eric Dupont.

Stutterer: Os responsáveis pelo curta são Benjamin Cleary and Serena Armitage.

Day One: O responsável pelo curta é Henry Hughes.

Shok: O responsável pelo curta é Jamie Donoughue.

Everything will be okay: O responsável pelo curta é Patrick Vollrath.

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA METRAGEM

melhor documentario em curta metragem oscar 2016

Last Day of Freedom: Os responsáveis do curta são Dee Hibbert-Jones e Nomi Talisman​.

A girl in the river: the price of forgiveness: O responsável do curta é Sharmeen Obaid-Chinoy​.

Body team 12: Os responsáveis do curta são David Darg e Bryn Mooser​

Claude Lanzmann: Spectres of the shoah: O responsável do curta é Adam Benzine​

Chau, beyond the lines: Os responsáveis do curta são Courtney Marsh eJerry Franck​.

MELHOR ANIMAÇÃO EM CURTA METRAGEM

melhor curta metragem em animacao

A história do urso: Os responsáveis pelo curta são Gabriel Osorio e Pato Escala​

Prologue: Os responsáveis pelo curta são Richard Williams e Imogen Sutton​

We can’t live without cosmos: O responsável pelo curta é Konstantin Bronzit

Os heróis de Sanjay: Os responsáveis pelo curta são Sanjay Patel e Nicole Grindle​

World of tomorrow: O responsável pelo curta é ​Don Hertzfeldt​

E aí? Para quem você está torcendo?

Texto sobre os diretores: Termômetro do Oscar