Escolha uma Página

Os parças é um daqueles filmes que você se pergunta a necessidade de se haver uma sequência. E eis que ela é anunciada.

Os parças 2, com data de estreia anunciada para 14 de novembro, tem  Whindersson Nunes, Tirullipa, Tom Cavalcante e Bruno de Lucca personificando uma “comédia” pastelão no melhor (ou pior) estilo trapalhões.

Conforme sinopse descrita Toin (Tom Cavalcante), Ray Van (Whindersson Nunes) e Pilôra (Tirullipa), gastam à larga num hotel de luxo, por conta do dinheiro do casamento de Cintia (Paloma Bernardi). Só que Vacário (Taumaturgo Ferreira), pai de Cintia, foi preso, e fez uma delação premiada que levou seu perigoso chefe, o China, para a cadeia. O super mafioso prometeu vingança. Vacário está preso, Cintia foi mandada pra fora do país e o próximo na linha de vingança é Romeu (Bruno de Luca). Os Parças precisam de grana para que Romeu possa fugir do país e ir se encontrar com Cintia. Para isso, eles terão que fazer funcionar uma decadente colônia de férias para adolescentes: reformar as instalações, conquistar seus clientes e ainda competir com a rica colônia vizinha.

Parece bom né? E seria, se não fosse todos os erros que se sucedem ao longo dos 100 minutos mais sem pé nem cabeça do cinema nacional. Mas é tudo questão de gosto mesmo, no caso o meu não agradou.

A sensação ao assistir esse filme é um imenso pout-pourri de piadas sem graça que não se conectam, e que são introduzidas em meio a um roteiro sem nexo e coerência.

Definitivamente o longa falha com o roteiro, falha com a narrativa, falha com as atuações, principalmente do grupo jovem. Se fosse um programa de esquetes, assim como era ” Os trapalhões”, creio que seria algo com potencial e funcionaria, vide carreira do protagonistas, que são incríveis no que se propõem a fazer, no caso Humor, mas o desenvolvimento cinematográfico não justifica e tudo cai por terra.

Whindersson e Tirullipa tem muita química em cena, vide outros projetos que os dois tem juntos atualmente, fica evidente a sintonia em cena.

Sei que os fãs, e isso os protagonistas têm muitos, vão assistir, independente do que a crítica falar sobre, e eu acho isso muito bom mesmo, afinal é cinema nacional e cinema nacional merece sucesso. Mas se forem assistir, se prepare para se sentir assim como eu e a Mariana Santos, em determinado momento do filme: “… envergonhada”.

Os Parças 2 chega dia 14 de novembro aos cinemas.