Escolha uma Página

NOVA YORK, 1989

Chegou hoje, no catálogo da Netflix, a minissérie de apenas quatro episódios,  Olhos que Condenam. Com produção executiva de Oprah Winfrey e Robert De Niro, a história é uma nova parceria de Ophah e Ava, que já haviam trabalhado juntas no filme Uma Dobra No Tempo (2018).

Há 30 anos, em abril de 1989, um caso bizarro (não há outro termo melhor), chocou os EUA. Uma mulher corria pelo Central Park a noite e acabou sendo estuprada e espancada. Na mesma noite, um grupo de jovens negros passeava pelo parque. Alguns deles arrumaram uma confusão e isso acabou acionando a polícia local. Muitos dos envolvidos na confusão não se conheciam e, no meio de toda aquela loucura, acabaram ficando juntos e sendo perseguidos pelos policiais – que os levaram para a delegacia.

Confira o trailer:

RAINHAS DO CRIME | ADAPTAÇÃO DE HISTÓRIA DA DC VERTIGO GANHA TRAILER!

ROCKETMAN | ELTON JOHN COMENTA AS VERDADES DO FILME!

Quando a notícia de que uma mulher branca havia sofrido estupro chegou à delegacia, as acusações recaíram sobre cinco rapazes do Harlem: Antron McCray, Kevin Richardson, Yusef Salaam, Raymond Santana e Korey Wise. Os jovens foram obrigados a confessar um crime que não cometeram e foram condenados injustamente. Um caso típico de racismo, manipulação policial e erro da Justiça.

Os cinco foram absolvidos em 2002 e receberam indenização da cidade de Nova York em 2014. A confissão de um estuprador em série e exames de DNA contribuíram para esse desfecho. A história dos cinco garotos negros ao longo desses 25 anos, do julgamento à indenização, é retratada na série dramática Olhos Que Condenam (When They See Us).

Com a estreia da série, entidades americanas prometem promover uma campanha de apoio ao movimento de reforma da justiça criminal.

Olhos Que Condenam já está disponível no catálogo da Netflix Brasil.

JÁ ASSISTIU NOSSO ÚLTIMO VÍDEO DO CANAL?

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ: