FILME | Por que devemos assistir a O Livro de Henry?

Prepare os lencinhos!

Jacob Tremblay ganhou o coração de todos ao interpretar o jovem protagonista de O Quarto de Jack. Ao lado de Brie Larson, ganhadora do Oscar de Melhor Atriz naquele ano, o menino construiu uma história emocionante. Dessa vez, a companheira de Tremblay é Naomi Watts, conhecida por seu papel em King Kong. Ao lado de Jaeden Lieberher, o trio protagoniza umas das histórias mais bonitas e bem pensadas do cinema.

Ao compararmos O Livro de Henry com a outra produção do diretor Colin Trevorrow, Jurassic World, podemos caracterizá-la como menor. O peso, porém, depende do que chamamos de um filme grande ou não. A franquia relacionada ao período jurássico certamente está entre as maiores do mundo, mas Henry e sua família, sem dúvida, trouxeram uma grande adição ao catálogo do diretor.

Por que assistir?

Ao passo que a trama se desenvolve, imaginamos o ritmo que será seguido. Henry (Lieberher) é um menino com um Q.I. fora do normal, além de ter o comportamento de um adulto responsável. É ele, inclusive, que organiza as finanças da casa e impede que sua mãe passe o dia inteiro jogando videogame.
A família não apenas é composta de Henry e Susan, mas também do pequeno Peter (Tremblay). Ele idolatra o irmão mais velho e tudo que quer é viver a vida de uma criança. Caso você já tenha acompanhado algum dos trabalhos de Jacob, sabe do imenso talento que tem, apesar da pouca idade. Em O Livro de Henry não é diferente. Demoramos, mas logo entendemos que o garotinho é o verdadeiro protagonista da história.

A História

O roteiro de O Livro de Henry pode ser divido em dois. O filme segue uma linha de pensamento até que uma triste tragédia sacode a vida da família. Juntos, eles precisam se reerguer e entender o verdadeiro significado de um caderno vermelho. Contudo, muitas vezes precisamos atingir o fundo do poço para enfim, pensarmos em nos reerguer.
A reviravolta chega e com ela, um novo filme. O que começou incialmente como uma tradicional história familiar, se transforma em um drama investigativo, repleto de mensagens fundamentais.
O Livro de Henry se constrói em cima de seus personagens, assim como das relações entre eles. Os dois irmãos entregam um relacionamento fraterno lindo e puro. A inocência do personagem de Tremblay atinge o público em cheio, mexendo com as mais profundas emoções que temos.

 

O Elenco

Embora possamos dividir o filme em duas partes, todo o longa é formado por pequenos grandes momentos. É possível dizer ainda, temos partes do roteiro centralizadas em cada membro da família.

Inicialmente, o filme nos apresenta a Henry. O jeito inteligente do menino que beira o irritante é interpretado de maneira perfeita por Jaeden Lieberher. O menino parece ter sido feito para o personagem e se mostra extremamente confortável no papel do menino sabichão.

Naomi Watts transmite toda a angústia e desespero que Susan sofre ao longo do filme. Sua personagem sofre uma grande transformação a partir da metade do filme e as expressões da atriz acompanham a mudança. Eventualmente é possível, inclusive, esquecer que Watts está atuando.

Por fim, Jacob Tremblay traz mais um personagem brilhante. Desde sua estreia nos cinemas, como o jovem Jack, o menino encarou desafios individuais como protagonista. Em todos eles, desenvolveu personagens completamente diferentes, mas em todos eles, Tremblay rouba a atenção toda para si.

O Livro de Henry

Mas por que um título desses?

Dentro de todas as redes neurais de Henry, muita informação circula diariamente. Observador, ele percebe detalhes que um jovem de sua idade tenderia a ignorar. Detalhes como um padrasto (Dean Norris) abusando de sua enteada (Maddie Ziegler). O homem tem fortes relações dentro da polícia e, por isso, Henry encontra muitas dificuldades para ser ouvido.

Buscando ter suas ideias passadas adiante, o menino resolve bolar um plano para se livrar do padrasto abusivo. Ele traça caminhos, elabora estratégias e deixa tudo registrado em um caderno vermelho. Peter tem a missão de passar a mensagem adiante, para que os últimos desejos do irmão sejam atendidos.

 

O Livro de Henry traz uma história forte, intensa e real. Um filme que lida com amizade, perdas e abusos dentro de uma família, mas que acima de tudo, lida com amor.

APROVEITE PARA CONHECER NOSSO CANAL DO YOUTUBE:

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ:

Compartilhe:

Quem escreveu?

Paula Ramos

How you doin'? Aluna da Sonserina esperando a carta de Hogwarts desde os 7 anos de idade. Bióloga de formação, jogadora de quadribol, professora de idiomas, constantemente no lado negro da força e uma pessoa traumatizada por não ter virado CSI.

Receba todas as notícias do mundo nerd em primeira mão!

Receba todas as notícias do mundo nerd em primeira mão!

Inscreva-se na newsletter do Coxinha!

Por favor, cheque seu email para confirmar a inscrição!