Sim, eu sei, você esta dizendo: o ditado está errado! O correto é o gato comeu sua língua, não o gato roubou! Mas, e se eu te disser que na verdade é possível dizer roubou? Venha comigo e vou mostrar um fato curioso…

Existem gatos que são cleptomaníacos, verdadeiros “gatunos”. Um cleptomaníaco tem a  necessidade compulsiva de furtar coisas, não resistindo a essa tentação, mesmo que ele não tenha necessidade ou utilidade para o item que rouba. Embora uma condição psiquiátrica humana, gatos podem te-la também! E vou apresentar a vocês alguns dos gatunos conhecidos e até famosos pelo mundo:

Dusty – Morador de San Mateo, na Califórnia (EUA). Durante a noite ele entra nas casas da vizinhança onde mora e, sem que ninguém perceba, furta pequenos objetos. Dusty já roubou mais de 600 itens ao longo dos anos. Jean Chu, sua dona, declara: “Ele traz para casa toalhas, luvas, sapatos, meias, brinquedos de crianças…“. Seu item preferido são as roupas de banho. E os vizinhos, quando dão pela falta de algo, vão a casa de Dusty ver se o item está por lá.

Chegaram a utilizar uma câmera noturna para pegar ação do safadinho, confira:

Denis –  Apelidado de “Denis, o pimentinha”, um gato do condado de Bedfordshire, na Grã-Bretanha, se tornou uma celebridade, após câmeras de segurança terem flagrado o bichano roubando cuecas, sapatos, camisetas, uma bola de futebol e até uma boneca em sua vizinhança. ”Eu vi que havia algumas roupas pelo chão e um pedaço de jornal. Uma semana depois, ele trouxe uma boneca Barbie. Ele ou deixa os artigos no quarto da frente ou os traz para mim na cama”, afirma Lesley, dona de Denis. Veja a ação de mais este gatuno:

Norris – É o mascote de Richard e Sophie Windsor, moradores de Bristol, na Inglaterra. O casal ficou envergonhado depois que o bichano, de dois anos, começou a aparecer em casa com sutiãs, panos de prato, pedaços de comida, tapetes e muitos outros objetos furtados dos vizinhos. Os donos, que chegaram a se desculpar com os vizinhos, disseram: “No começo já foi algo bem estranho, mas nos últimos quatro meses ele definitivamente subiu de nível, mas felizmente nossos vizinhos são compreensivos e levaram na esportiva.”

norris, gato ladrão

Eu imagino que deva ser muito engraçado, achar coisas estranhas em casa e perceber que o seu bichano é quem as traz!

 

Perfil Natalia

Luciana Fogo

E você? O que faria se seu gatinho trouxesse coisas alheias para casa?
Facebook

Compartilhe: