Ninguém Mandou é a nova aposta adolescente Netflix, trata-se de uma produção da BBC, compartilhada mundialmente pela gigante do streaming. Um mistura de Elite com How to get away with murder, é um suspense honesto que vale sua atenção.

A série de 10 episódio com 30 minutos cada, é baseada na série de livros de mesmo nome da autora Gretchen McNeil, e acompanha quatro meninas (de classes sociais muito distintas) intituladas GDM que usam da tecnologia para desmascarar possíveis crimes dentro da escola, tudo começa com um professor de educação física. No entanto elas percebem que estão em perigo quando um colega de classe é assassinado, e a culpa cai no grupo, agora é uma corrida contra o tempo para descobrir quem é o real culpado, e ao mesmo tempo esconder suas identidades.

‘Ninguém Mandou’ foi realmente uma grata surpresa. O ritmo da série, aliada a uma construção honesta, faz do show um ótimo entretenimento.

Pela classificação etária, já é possível perceber que não se trata de algo muito pesado, ou profundo. Mesmo assim, lida com questões atuais, principalmente no que se refere ao âmbito familiar e aos tipos de amizade.

Um ponto super positivo é a forma da construção do suspense e como o mistério é realmente algo existente. O espectador realmente se vê preso na trama, tentando adivinhar quem é o assassino; ainda mais quando uma nova vítima surge na história.

Visualmente o show é muito bonito, as tomadas externas aliadas ao visual da escola que remete à uma castelo traça um paralelo sobre a sensação de impunidade voltada para o status social, que é a grande maioria na instalação.

O final é muito instigante e lembrou -realmente- ‘How to get away with murder’, principalmente na montagem da cena que explica como chegamos ao ponto de desfecho. Mas claro, sem deixar aquele gancho que indica a possibilidade de um segundo ano, não é mesmo?

Contudo, ‘Ninguém Mandou’ merece mesmo uma continuação. Existe muita história para ser contada, principalmente sobre cada uma das protagonistas, além de muitas subtramas que despertam um “q” de curiosidade.

No mais, a série não tem nada de mirabolante, mas é algo agradável aos olhos, equilibrado e coeso… e principalmente com aquela pitada de mistério que tanto amamos. Vale muito a pena conferir.

Ninguém Mandou já está disponível na Netflix.

LEIA MAIS SOBRE SÉRIES