VOCÊ NÃO LEU ERRADO!

A internet ainda não engoliu totalmente o cancelamento de Sense8 por parte da Netflix. Mas Reed Hastings, co-criador e CEO da empresa, disse que seu objetivo é cancelar ainda mais séries originais. Não, ele não está louco e ele explica o porquê de tudo isso.

A Netflix já ficou conhecida por ser bastante generosa ao renovar suas séries originais e cancelar um número mínimo delas. Até agora, apenas seis foram descontinuadas: Lilyhammer, Hemlock GroveMarco Polo, The Get DownBloodline e agora Sense8. Reed já havia anunciado que 6 BILHÕES de dólares estão sendo investidos em produções originais para 2017, e o projeto é que esse valor aumente muito o quanto antes possível.

Se tem mais investimento e as séries são um sucesso, pra que cancelar mais séries? Hastings explica:

“A nossa taxa de acerto está muito alta atualmente. Nós cancelamos muitas poucas séries. Estou sempre pressionando o time de conteúdo dizendo que temos que nos arriscar mais, temos que tentar mais coisas loucas. Porque nos deveríamos ter uma taxa média de cancelamentos mais alta”

Basicamente, a Netflix pode estar se prendendo a uma zona de conforto ao renovar séries que já foram um sucesso. A nova estratégia criará coisas novas e diferentes e dará vida a projetos que podem ser ainda melhores do que os já criados. Reed deu um ótimo exemplo:

“[Com a nova estratégia] você ganha vencedores que são inacreditáveis, como 13 Reasons Why. Ela nos surpreendeu. É uma série incrível, mas não havíamos percebido o quanto ela se tornaria adorada.”

Felizmente, ainda não temos confirmação de nenhum outro cancelamento da plataforma. Mas a lógica de seu CEO faz sentido se pararmos pra pensar. A única coisa que ele precisa ter em mente é: se vai acabar com uma série, PELO MENOS COLOCA UM FINAL NA HISTÓRIA! Não deixe o povo sem entender um monte de pontas soltas… O que você acha? Faz sentido ou ele está louco?

Veja mais sobre Netflix e Séries

Compartilhe: