Dona Lêlê vem deixando os nerds mais tranquilos e fofinhos felizes, com toda essa baboseira (polêmica!) de pop e musiquinhas que fazem as pessoas dançarem. Tudo bem, isso diversifica, fica legal, muita gente vê, que  legal,que beleza. Mas a Dona morte resolveu dar uma volta no blog coxudo. Parou a palhaçada. Death Metallers levantem seus punhos, soltem seus cabelos e aumentem o som.

 

DEATH

 

 

Começando com a banda que personifica, que dá sentido a existência do Death Metal. Simples: death. O que Chuck Schuldiner conseguiu fazer muitos tenta e ninguém, absolutamente ninguém consegue fazer. Death Metal ultra-técnico, levadas incríveis, algo extraordinário.

 

 

Morbid Angel

 

 

Não é por nada que o Morbid Angel tem trinta anos de carreira. Não há uma única música ruim. Sempre o mais pesado, mais denso e com uma criatividade para refrões incrível.

 

 

hardcore

 

DEICIDE

 

 

O nome da banda já gera uma polêmica de uma vida toda de discussão. As letras então, nem se fala. Com toda essa temática um som bastante técnico e direto, o Deicide é uma banda clássica da cena Death.

 

 

Cannibal Corpse

 

 

E para fechar com chave de ouro, a banda que esmaga crânios, dilacera barrigas e arranca braços. Um fato interessante do Cannibal Corpse ( e a cabeça de muita gente vai explodir lendo isso) é que a banda faz uma ponta no filme “Ace Ventura”. Sabe quem os colocou ali: Jim Carrey. Aquela porra maluca é fanzaço de death metal e do Cannibal. A ídeia original dele era colocar o Pantera, mas a gangue de Dimebag Darrell cobrou um cachê altíssimo, então, por 500 doláres lá está o Cannibal fazendo acontecer. E tem mais: A galera do Malevolent Creation são figurantes na cena. Muito foda:

 

 

E com esse final fuderoso, chegamos ao final da jukebox de hoje. Será que Dna. Lêlê vai voltar com todos aqueles floreios e melação daquelas musiquinhas? Sei lá, não sei se a coxinha mais nerd do mundo veste camisa preta ou se sai dançando por aí como o Justin Timberlake. Até a próxima minha gente.

 

Perfil Jefferson

Jefferson Montenegro

Jim Carrey tem todo meu respeito.
Facebook | Twitter