Olá meu povo! Eu recebi este vídeo como indicação de post e ele estava a praticamente uma semana em minha caixa de entrada. Só hoje tive a oportunidade de assistir e, sério, eu chorei. Que mensagem linda, que campanha tocante, que momento de reflexão saudável que a Dove nos fez passar assistindo a esta singela, delicada e linda história. Fiquei apaixonada pela campanha, e acho que todos, homens e mulheres, deveriam assistir ao vídeo e simplesmente… PENSAR.

 

Antes de dizer qualquer coisa, eu preciso que vocês assistam a este vídeo agora mesmo:

 

 

Eu chorei mesmo, sério gente. A mensagem é linda demais e nos faz pensar exatamente em como, antes de ser julgados pelas ruas, no trabalho, na faculdade, na escola, em qualquer lugar, nos julgamos primeiro e nos depreciamos primeiro. Até a pessoa mais linda do mundo consegue encontrar um defeito em si mesmo. Mas assim, quem define o padrão de beleza, quem ganha com o padrão de beleza definido para  a sociedade? Quem lucra com nossas neuras e preocupações? Quem deixa de ser feliz socialmente devido a estes padrões estéticos estipulados pela mídia? Quem disse que você não é bonito? Não é bonita?

 

Durante muitos anos os nerds foram classificados como pessoas obesas, de óculos, rostinho de lerdo, cabelo mal cuidado, roupas desleixadas e ações e reações mais dificultosas. Hoje em dia, com a revolução tecnológica e o mundo dos nerds invadindo o mundo real e normal (quem é normal?), estamos percebendo que não é bem assim. Surpreendemos ainda a sociedade ao demonstrar que nerds saem, namoram, casam, se relacionam normalmente uns com os outros e com pessoas de estilos diferenciados. Ninguém é estranho, cada um é normal dentro da sua peculiaridade. O que precisamos é de respeitar o próximo, aceitar o próximo e não incentivar os preconceitos ridículos que vemos por aí. Parabéns para a Dove, sempre inovando e incentivando o fim às diferenças sociais!

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

Estou simplesmente, emocionada…
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter

Compartilhe: