Imagine poder se matricular na aula de Lightsaber? Imagina poder acreditar com certificado que você pode se tornar um Jedi super famoso e lutar ao lado de Yoda de todos os outros Jedis chiquérrimos de Star Wars. Ok, essa segunda parte foi viajar demais na maionese, mas juro que a primeira parte é totalmente possível. Venha ver porque…

 

Alain Bloch é o responsável por realizar o sonho de muitas crianças, adolescentes, jovens e adultos nos Estados Unidos. Ele criou uma classe coreografada de combate com lightsaber (sabre de luz) apenas para Jedis iniciantes – que fique claro. Primeiro, para fazer as coisas direitinhas, ele recebeu aulas de esgrima com o instrutor Mateus Carauddo e depois fundou a escola Gonden Gate Knights.

 

O negócio todo ficou na fase do planejamento por dois anos e um grupo de alunos (devidamente vestidos de Jedis), pagam cerca de US$ 10 por semana para aprender os movimentos básicos. As aulas estão tão populares que o professor precisa recusar alguns pedidos e afastar os alunos uns dos outros nas salas de aula, não tem mais espaço mesmo!

 

“Alguns de nossos alunos estão participando de gravações de filmes e querem aprender profissionalmente nossas técnicas, outras querem apenas preencher seus finais de semana de atividades que consideram divertidas e criativas, outros ainda, acreditam fielmente que fazem parte do universo Star Wars e consideram as aulas parte fundamental para seus treinamentos Jedi”, diz o instrutor da escola.

 

Um sonho de Alain Bloch é poder levar as aulas para outros países, ele tem certeza absoluta que muitos fãs ao redor do mundo fariam fila para aprender qualquer movimento Jedi com um verdadeiro (ou não) lightsaber em mãos. E você? O que faria para aprender a ser um Jedi de verdade??? Eu ficaria na fila com certeza, vestidinha de Jedi, louca para refazer muitas das mais preciosas cenas de Star Wars!!

 

Você vai gostar também de:

 

go pro homeland gangnam style game of thrones

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

Quem nunca quis ser Jedi, que atire a primeira pedra!
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter