LOKI | Por que precisamos da série sobre o Deus da Trapaça?

Loki, estamos com saudades!

O texto a seguir inegavelmente conterá spoilers sobre Vingadores: Guerra Infinita. Visto que já estamos chegando ao próximo filme, é provável que você viva em uma bolha caso não tenha visto o último lançamento. Mas a medida que Ultimato está chegando, não podíamos deixar de comentar sobre uma das novidades mais aguardadas pelo público. Afinal, teremos ou não uma série baseada na vida de um dos vilões mais amados da Marvel?

ALERTA DE SPOILER

Apesar de todas as surpresas que Guerra Infinita nos reservou, há quem já esperasse pela trágica morte de Loki. Embora tenha nos causado muita dor de cabeça, nos afeiçoamos por seu jeito irônico e perverso. É por isso, talvez, que muitos não perdoem Thanos por suas decisões, dentre elas, a de ceifar a vida do irmão de Thor. Além disso, é impossível não pensar no destino do povo Asgardiano, que agora depende do Deus do Trovão e da Valquíria.

Quando pensávamos que veríamos Loki pela última vez nas mãos de Thanos, a Marvel veio com uma notícia animadora para os fãs. Mesmo que seja apenas um rumor, é impossível não sonhar com uma possível série sobre o personagem.

Pensamos nisso, resolvemos listar alguns motivos pelos quais Loki merece uma produção solo. Estamos, afinal, morrendo de saudades do Deus da Trapaça.

 

Loki e Thor

Certamente já demos boas gargalhadas com os diálogos protagonizados pelos filhos de Odin. Quem não lembra, por exemplo, de Thor chamando o irmão de adotado? Juntos conseguiram trazer momentos de descontração em meio as diversas cenas de ação dos filmes da Marvel.

Embora carregue o título de vilão desde sua primeira aparição, temos de concordar que ele se redimiu um pouco. A imagem de anti-herói do Deus da Trapaça não foi bem abordada nos filmes, mas é muito aguardada! Confesse, você também se emocionou com os momentos finais de Loki e Thor perante Thanos. Ver um pouco mais dessa relação entre os irmãos é algo que adoraríamos ver mostrado nas telas do cinema.

Assim como nós, o Deus do Trovão também precisa de seu irmãozinho mala.

 

O narrador

Um dos muitos rumores surgidos a cerca da série sobre Loki, é que o protagonista viria como narrador. Além da voz emblemática, sabemos que o personagem adora contar histórias. Mesmo que muitas sejam mentiras, Loki é conhecido na mitologia por suas palavras sábias e tentadoras.

Visto que o Deus da Trapaça já enfrentou muito até ter seu desfecho nas mãos de Thanos, conteúdo é o que não iria faltar. E para os amantes de mitologia de plantão, sabemos que há muito o que se falar quando o assunto é Loki.

A história

E já que falamos de mitologia, recorramos a ela mais uma vez. Vingadores decerto nos mostrou um pouco sobre a vida de Thor, além de seu relacionamento com seus familiares. O mesmo ocorreu com outros membros do grupo, como Tony Stark e Steve Rogers. Até mesmo Stephen Strange, que mal chegou no grupo, teve sua vida discorrida nas telas do cinema. Há quem possa mencionar o fato de que todos eram “mocinhos”, enquanto Loki foi um ótimo vilão. Mas por que isso não lhe da o direito de ter uma história?

Mitologia Nórdica

Assim como já aconteceu nos quadrinhos, nos livros de mitologia Loki possui diversas facetas. Seja no formato de um cavalo, de uma giganta e até de uma criança, o irmão de Thor nunca cansa de surpreender com seus disfarces. Tivemos um pequeno gostinho de suas habilidades em Ragnarok, quando Loki engana toda uma população fingindo ser Odin.

Por mais que nas lendas ele só tenha usado seu transformismo para fins que beneficiassem a si próprio, tal habilidade poderia vir a calhar. E caso permaneça no lado negro da força, vamos adorar vê-lo de diversas formas diferentes.

 

Os filhos de Loki

Sabemos que aquele rostinho bonito nunca enganaria ninguém, não é mesmo? De acordo com a mitologia, muitos foram enganados pelas palavras e pelo charme do Deus da Trapaça. Mas não estamos falando de apenas seres humanos, pelo contrário. Ao longo dos anos, Loki espalhou seus filhos ao redor do mundo, e assim como o pai, muitos só trouxeram problema. Saiamos um pouco do universo Marvel e vamos, mais uma vez, para o mundo mitológico.

Fenrir

Lembram-se do lobo gigantesco invocado por Hela em Ragnarok? Ele não apenas existe na história original, como também está na família. Fenrir é um dos filhos de Loki com a giganta Angrboda, cuja prole ainda traz uma cobra gigantesca e uma deusa da morte.

Fenrir chama a atenção logo por seu tamanho, pois estima-se que apresentava mais de 4 metros de altura. Sua força era superior até mesmo a Thor, e crescia de forma exponencial a cada ataque. O resultado disso? De acordo com profecias, o lobo iria crescer tanto que, um dia engoliria o sol de Asgard durante o Ragnarok.

Visto que estava destinado a matar Odin, o Pai de Todos pediu aos anões que fizessem correntes especiais para segurar o lobo. Assim nasceu Gleipnir, as eternas amarras que mantiveram Fenrir preso a uma rocha até o fim dos tempos.

Jörmungand

Além de um nome complicado e enorme, a criatura monstruosa tem o lobo como irmão por ser filha de Loki. Conhecida como a Cobra do Mundo, Jörmungand é uma serpente tão enorme que pode envolver a Terra – ou Midgard, na mitologia. Preocupado com seu tamanho descomunal, Odin enviou a criatura para o fundo do mar, onde ela conseguiu espaço para enfim atingir todo seu potencial.

Durante o Ragnarok, dizem as profecias que Jörmungand será morta por Thor, seu arqui-inimigo. Entretanto, a criatura irá feri-lo com um veneno tão forte que encerrará sua vida.

Hela

Aqui temos mais uma divergência dos filmes da Marvel em relação a mitologia. Enquanto nos filmes conhecemos Hela como filha de Odin, irmã de Thor e Loki, nas histórias ela é a terceira filha do Deus da Trapaça com a giganta Angrboda. Conhecida como Deusa dos Mortos, Hela foi banida por Odin e destinada a viver no submundo. Em contrapartida, lá se tornou seu reino, um lugar onde seus poderes reinavam.

Dentre os conhecidos nove mundos dos deuses, o território de Hela é conhecido como Helheim. É para lá que são enviados aqueles cuja morte não foi heroica, condenados a viver para sempre sob o destino escolhido por ela. Acredita-se que durante o Ragnarok, a filha de Loki preferiu não se envolver.

 

 

Os nove reinos

A famosa árvore que abriga os nove reinos na mitologia nórdica ainda não teve o destaque merecido na Marvel. E ao passo que queremos um maior aprofundamento nas histórias de Loki, trazer a Yggdrasil é fundamental. Durante suas jornadas rumo a trapaças, chantagens e planos mirabolantes, o irmão de Thor visitou todos os noves reinos. E certamente adoraríamos vê-lo passar por lá.

Precisamos, por isso, conhecer melhor a Árvore-Mundo e todos os territórios aos quais ela abriga.

Nidavellir

O mundo dos Anões pode ser encontrado no meio da Yggdrasil, trazendo um cenário bem característico. Lúgubre, Nivadellir retrata os hábitos de seus moradores. Repleto de cavernas de pedra, não é um dos lugares mais iluminados da mitologia nórdica.

Conhecidos por suas habilidades nas forjas, os anões de Nivadellir são os responsáveis pelas melhores armas dos nórdicos. Foram eles, por exemplo, que criaram o famoso martelo de Thor, Mjölnir #RIP.

Svartalfheim

Seus habitantes talvez não estejam entre os mais conhecidos do MCU, mas os Elfos Negros certamente têm sua importância na história. Coberto por árvores e florestas densas, vai contra a ideia que já temos de outras terras élficas, como Valfenda.

Os Elfos Negros não são muito conhecidos por serem amistosos, pelo contrário. Vivem um sistema governamental tirânico, com disputas acirradas pelo poder.

Alfheim

Em contrapartida a terra que acabamos de conhecer, chegamos ao famoso lar dos Elfos de Luz. Ao contrário de Svartalfheim, Alfheim é um lugar que beira a magia. Localizado no topo da Árvore do Mundo, seus vizinhos de território são simplesmente Asgard e Vanaheim. E já iremos descobrir o que isso significa.

Visto ser a terra dos Elfos de Luz, cor é o que não falta em Alfheim. Repleto de árvores verdes, riachos, mares, é um lugar que beira um conto de fada. Dentre seus habitantes temos Elfos do Ar, Elfos do Vale, Elfos dos Mares, Elfos da Lua, Elfos do Gelo e muitos outros. A paz e a alegria reina em Alfheim, então não sabemos o que esperar de uma suposta visita de Loki.

Vanaheim

Por mais que você não conheça todos os reinos, certamente já deve ter ouvido falar em Vanaheim ou em seus habitantes. Os moradores de Vanaheim são os Vanir, uma raça irmã dos deuses de Asgard. Lá vivem os feiticeiros do mundo nórdico, aqueles com poderes enormes no ramo da clarividência.

Mas nem só de magos e bruxos vive Vanaheim. É possível encontrar Ogros e Trolls por lá, além de castelos e outros elementos mágicos. Enquanto os Aesir e os Vanir não se falavam, ambos os territórios não entravam em contato um com o outro. Entretanto, após o casamento de Odin e Freya, ambos os povos se uniram. Todos sabemos o destino de Odin, mas nada que um flashback não possa aparecer no MCU.

Muspelheim

Quase na base da árvore, esse certamente é um lugar em que esperaríamos encontrar o personagem de Tom Hiddleston. O reino de fogo e enxofre é habitado por demônios. E sem dúvida, os Asgardianos se lembram de seu líder. A maior autoridade em Muspelheim é Surtur, o gigantesco demônio vermelho que aprisiona Thor.

Não é de se esperar que o povo de Muspelheim seja considerado perigoso e hostil pela maioria. Ninguém iria querer fazer uma visita a demônios, a menos que procurasse algo em troca.

Niffleheim

Enfim chegamos a região mais baixa da Yggdrasil, onde sua moradora mais famosa já é conhecida por nós. Niffleheim é uma terra de gelo, solidão e escuridão. Não é a toa, por isso, que lá está Hel, o reino dos mortos caídos.

Basta adicionar uma letra ao seu território para conhecermos a grande líder de Hel. Conhecida por nós como irmã de Loki e Thor, já sabemos a verdadeira identidade de Hela. Banida por Odin, ela governa a terra dos mortos não-dignos e os destina a punição eterna.

Jotunheim

Jotunheim traz um ambiente similar ao citado anteriormente. Caso deseje conhecer uma terra alegre, essa decerto não é a melhor escolha. O reino dos Gigantes de Gelo é um local gelado e escuro liderado por Ymir.

Sabemos que Loki já se envolveu com gigantes em seu passado, afinal, temos seu famoso trio de filhos como resultado. Mas não é por isso que esperamos vê-lo em Jotunheim. O reino é seu local de nascimento, uma vez que o Deus da Trapaça é filho de dois gigantes de gelo, Laufey e Farbauti.

Midgard

Estamos chegando, enfim, aos locais mais famosos da Yggdrasil. Midgard é o nosso amado Planeta Terra, e pode ser encontrado no centro da árvore. Como esperado, lá vivem os homens.

Midgard é ligado a Asgard pela Bifrost, a Ponte do Arco-Íris destruída nos filmes de Thor. Depois de Guerra Infinita, conhecemos o destino de Heimal, antigo guardião da ponte #RIP. Outro ponto importante de Midgard ligado ao Deus do Trovão é que, como sabemos, foi para lá que Odin o enviou para amadurecer.

Asgard

O Reino Dourado dos Aesires, ou como são conhecidos, os Deuses Nórdicos. Dentre todos os nove reinos, além de ser o mais famoso é o mais importante dentre eles. De acordo com profecias, será o reino destruído durante o Ragnarok.

Os fãs de mitologia certamente devem ter ouvido falar de Valhalla, ou o lugar para onde vão os heróis falecidos de forma gloriosa. É a versão nórdica do paraíso, localizada entre os domínios de Asgard.

O que não faltam são motivos para querermos ver Loki em uma série solo. Certamente não estamos prontos para nos despedir do Deus da Trapaça!

APROVEITE PARA CONHECER NOSSO CANAL DO YOUTUBE:

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ:

CARMEN SANDIEGO | Netflix confirma nova temporada!

  A Netflix está conseguindo criar uma boa carreira no mundo das animações. Primeiro tivemos Hilda, baseada em gibis e, posteriormente, Carmen Sandiego, baseada em um jogo dos anos 80. Agora a super espiã, Carmen Sandiego, acaba de ser confirmada para mais uma...

Quem escreveu?

Paula Ramos

How you doin'? Aluna da Sonserina esperando a carta de Hogwarts desde os 7 anos de idade. Bióloga de formação, jogadora de quadribol, professora de idiomas, constantemente no lado negro da força e uma pessoa traumatizada por não ter virado CSI.