Hoje, dia 1º de maio é comemorado o “Dia da literatura brasileira“. A data é uma homenagem aos grandes escritores e suas obras, marcando cada período social e intelectual da história do Brasil.

O Brasil, possui grandes títulos e autores aclamadíssimos, entre eles: Machado de Assis, Clarice Lispector, José de Alencar, Manoel Bandeira, Jorge amado, Graciliano Ramos, Mário de Andrade… Mas hoje, fugiremos dos clássicos.

Nossa lista de homenagem à literatura nacional terá uma vertente mais contemporânea, pensando nisso conheça abaixo cinco autores/livros nacionais que você precisa conhecer:

Pedro Bandeira (A Droga da Obediência)

Num clima de mistério e suspense, cinco estudantes – os Karas – enfrentam uma macabra trama internacional – o sinistro Doutor Q.I. pretende subjugar a humanidade aos seus desígnios, aplicando na juventude uma perigosa droga. E essa droga já está sendo experimentada em alunos dos melhores colégios de São Paulo.

Victor Bonini (Quando ela desaparecer)

Uma garota de dezesseis anos desaparece durante uma excursão escolar. Mas não se trata de qualquer garota. Dois anos atrás, ela
esteve à beira da morte, e quando foi encontrada, ninguém acreditou que sobreviveria. Agora, há dois meses desaparecida, não restam dúvidas de que esteja morta. Rastros de sangue e um colar arrancado são as únicas pistas.
Pressionados, os policiais estão desesperados por respostas, mas ninguém na longa lista de suspeitos parece ter forte motivação para
cometer um crime.

Valéria Piassa Polizzi (Depois daquela Viagem)

Valéria foi contaminada pelo HIV por seu namorado, quando era ainda adolescente. Neste livro ela conta como isso aconteceu, o que mudou em sua vida e como ela tem enfrentado essa nova realidade.

Rafael Montes (Bom dia, Verônica)

O livro vai virar série para a Netflix. A rotina da secretária de polícia Verônica Torres era pacata, burocrática e repleta de sonhos interrompidos até aquela manhã. Um abismo se abre diante de seus pés de uma hora para outra quando, na mesma semana, ela presencia um suicídio inesperado e recebe a ligação anônima de uma mulher clamando por sua vida. Verônica sente um verdadeiro calafrio, mas abraça a oportunidade de mostrar suas habilidades investigativas e decide mergulhar sozinha nos dois casos. Um turbilhão de acontecimentos inesperados é desencadeado e a levam a um encontro com lado mais sombrio do coração humano.

Cecília Giannetti (Lugares Que Não Conheço, Pessoas Que Nunca Vi)

De estilo incomum, ácido e entrecortado, este livro traz o amadurecimento literário de uma autora considerada uma das mais originais e atuantes do cenário contemporâneo. Um prazeroso exercício de vanguarda e inteligência, de extremo bom gosto.

Conta pra gente, qual livro destes você leu? Qual é o seu autor nacional favorito?

LEIA MAIS SOBRE LIVROS