“Quero um quadro do Sans pra ontem no meu escritório” Apesar de ter sido um dos grandes fenômenos de fanbases de jogos dos últimos tempos muito provável que exista algumas pessoas que não conhecem o jogo indie Undertale. Com uma premissa curiosa e sutileza no modo de contar história esse RPG veio ganhando espaço no coração dos jogadores, que tal descobrir porque ele é tão querido?

Undertale é um RPG indie lançado em 2015 para PC, criado praticamente apenas por Tobby Fox, trata-se do mundo no qual haviam humanos e monstros vivendo juntos, até que houve uma enorme guerra onde a humanidade venceu e acabou por selar os derrotados no subsolo. Anos mais tarde um garotinho chamado Frisk, mas você também pode escolher o nome que quiser, acaba por cair nesse mundo e começa a descobrir mais sobre esse mundo e também sobre a vida dos habitantes.

Apesar da história parecer um pouco clichê, o encanto pela narrativa do game se mostra em pequenos diálogos e encontros no decorrer do jogo. Ao contrário dos rpgs normais que geralmente já tem suas falas em um automático Undertale trata de um número ligeiramente menor de personagens que você encontra tem uma ligação muito forte e histórias bem chamativas.

Com certeza ao desenvolver do seu personagem no meio do mundo dos monstros você irá desenvolver carinho por alguém daquele mundo, seja pelos irmãos esqueleto Sans ou Papyrus, ou talvez pela Toriel ou quem sabe o Flowley? Ou quem sabe você está simplesmente me perguntando quem são eles, bom não poderia entrar mais em detalhes mas acreditem ou não, já seria um spoiler.

Além da história as músicas também são um ponto muito forte, com certeza alguma irá gravar em sua cabeça e ficar igual um chiclete que não desgruda nunca. Só pra demonstrar um pouco, vamos com a mais clássica desse jogo: Megalovania:

https://www.youtube.com/watch?v=ZcoqR9Bwx1Y

Pra fechar e este post não ficar tão longo e você poder correr  pra sua steam e jogar, um fato curioso e que vem muito do chamativo da experiência é o fato de não ser um rpg convencional, as batalhas seguem em uma tela preta, nas quais aparecem algumas opções. Tem o clássico Fight, que nesse modo se mostra um pouco diferente pois após atacar, que não é só apertar mas deve acertar o momento certo na barra de ataque, depois deve-se  escapar dos ataques dos inimigos no maior estilo “jogo de navinha”.

Além de ter muitas opções além do lutar para conhecer os inimigos e também mais da histórias, podemos conversar, flertar, limpar, provocar entre outras milhares de opção que nos levam a algo bem curioso pra um rpg que podemos poupar os inimigos com opções diferentes.

Enfim,  Undertale é um jogo que oferece uma experiência única a todos que jogam, tenha sua próprio momento pra conhecer e ver o que acha. O game pode ser encontrado na Steam por 20 dilmas, só clicar AQUI.

Depois conte sua experiência pra nós, qual rota seguiu? Gostou do game? Amou o Sans também?

Compartilhe: