Todo mundo sabe exatamente o que cada um dos famosos inventores deste texto inventou. Eles são estudados na escola, são ensinados por nossos pais, avós, enfim, todo mundo sabe exatamente quem são e o que eles fizeram pela humanidade. Mas e se eu dissesse que está tudo errado nesses ensinamentos e que eles, na verdade, se aproveitaram dos verdadeiros inventores e ganharam fama pelo mundo inteiro sem serem tão gênios assim?

 

Hoje é dia do inventor e vamos desconstruir alguns dos mitos mais impressionantes que ensinaram por toda a sua vida. Imagine descobrir que Galileu Galilei não inventou o telescópio, ou que Alexander Fleming nada teve a ver com a invenção da penicilina, ou que Graham Bell não foi o gênio criador do nosso viciante telefone, ou que Albert Einstein na verdade, roubou a teoria da relatividade de outro cientista e que nosso querido Thomas Edison não estava nem um pouquinho perto de criar a lâmpada que tanto amamos e conhecemos? Isso mesmo, vejam só que inventou o que de verdade!

 

galileu galilei

 

Galileu Galilei foi um astrônomo, físico e médico italiano. Pergunte a qualquer pessoa qual a maior contribuição de Galileu à ciência e a resposta que você vai ouvir provavelmente vai ser “telescópio”. Bom, está na hora de você abrir seus olhos, porque esse cara não inventou o telescópio. Mas então, quem inventou o telescópio?

 

Todo mundo relaciona o nome de Galileu ao telescópio, mas quem queimou neurônios mesmo foi um holandês chamado Hans Lippershey. Em 1608, Hans completou o primeiro telescópio e tentou patenteá-lo, mas sua patente foi recusada sem nenhum motivo aparente. Algum tempo depois (1609), quando Galileu ficou sabendo do trabalho de Hans, rapidamente criou seu próprio telescópio, um pouquinho melhor do que o do Lippershey. Enquanto Galileu nunca patenteou seu telescópio mas ficou conhecido para sempre por ser o inventor do equipamento, Hans Lippershey tentou patenteá-lo algumas vezes e ninguém quase o conhece por nada que inventou. E por curiosidade: Galileu é tão famoso que as quatro luas em volta de Júpiter foram chamadas de Galileanas, em sua homenagem e a única coisa que homenageia Hans, é uma cratera na superfície da Lua chamada Cratera Lippershey.

 

alexander fleming

 

Sir Alexander Fleming é o nome do cientista que as pessoas conhecem por ter inventado a penicilina! Existe ate mesmo uma história de que o pai de Fleming salvou a vida de um menino que estava se afogando e que o pai este menino prometeu que pagaria pelos estudos do filho de seu salvador. Acontece que esse menino era ninguém menos que, Winston Churchill e Fleming, depois de estudar o ensino médio e se graduar em medicina, descobriu a natureza curativa da Penicilina e, anos depois, salvou a vida de Churchill que estava com pneumonia. Muito legal a história né? Pena que nada disso seja verdade pois o tratamento de Churchill nem foi feito com penicilina e Fleming não a descobriu. Mas então, quem descobriu a penicilina?

 

É difícil escolher uma pessoa para ter descoberto a penicilina, já que os nativos das tribos do norte da África já vinham usando a penicilina há milhares de anos. Além desse pequeno fato, em 1897, Ernst Duchesne usou o fungo para curar a febre tifoide de seu porquinho da índia – mas ninguém pode provar que ele realmente sabia para que a penicilina poderia ser usada. Outros cientistas não o levaram a sério na época, devido a sua idade e à sua estranha preocupação compulsiva com porquinhos da índia, então ele nunca recebeu nenhuma patente pelo seu trabalho. Ernst morreu 1o anos depois, de uma doença que poderia ter sido curada com penicilina, curioso né? Mesmo quando Fleming acidentalmente descobriu a penicilina, anos mais tarde, ele não pensou que ela poderia ser usada para ajudar alguém, enquanto isso, alguns outros cientistas como Howard Florey, Norman Heatley, Adrew Moyer e Ernst Chain, começaram a trabalhar com a penicilina e eventualmente dominaram o medicamento e descobriram uma fonte para produzi-la em massa. Enquanto Fleming supostamente nem mesmo acreditou na potencialidade do fungo, ele será sempre lembrado como o gênio inventor da penicilina e salvador de Winston Churchill, é mole?

 

graham bell

 

O grande e famoso Graham Bell, que para o mundo inteiro inventou nosso famoso e viciante telefone, dedicou muito do seu tempo convivendo e trabalhando com pessoas surdas em sua vida. Sua esposa era surda, seu professor favorito Helen Keller era surdo e sua mãe eram surda. Diz-se que Graham Bell tinha uma certa obsessão por pessoas surdas, e dizem ainda que, com essa compulsão toda, ele não tinha tempo de inventar nada, nem mesmo o telefone. Mas então, quem inventou o telefone?

 

Em 1860, um italiano chamado Antonio Meucci demonstrou seu primeiro telefone funcional (que ele chamava de “teletrofono”). Onze anos mais tarde (ainda cinco antes do famoso telefone de Graham Bell entrar em cena), ele registrou uma patente temporária para sua invenção. Em 1874, Meucci não conseguiu pagar os US$ 10 para renovar sua patente por ser um homem pobre e doente. Dois anos depois, Graham Bell registrou sua patente do telefone. Meucci tentou processá-lo, é claro, e tentou recuperar os registros dos planos e desenhos originais que ele havia enviado ao laboratório na Western Union. Mas sabe o que aconteceu?

 

Os registros e documentos que ele enviou para análise do projeto simplesmente haviam desaparecido e sabem aonde Graham Bell trabalhava naquela época? Exatamente, ele trabalhava no laboratório da Western Union. Pouco tempo depois Graham Bell ficou super hiper famoso por sua invenção e Meucci simplesmente sumiu e saiu de cena. Teria Bell, dada sua conveniente posição no laboratório da Western Union, destruído os registros de Meucci e alegado que o telefone era sua invenção? Nunca poderemos afirmas, mas há quem diga que sim, sem dúvida alguma, foi isso que aconteceu! Faz sentido, se você examinar todos os fatos: Bell tinha um bom número de invenções no bolso, não é ilógico pensar que ele ficou ganancioso e viciado na fama. Além disso, para quem Graham Bell queria telefonar exatamente, já que a maioria das pessoas que ele conhecia era surda?

 

ALBERT EINSTEIN

 

De acordo com todos os livros de ciência, Albert Einstein inventou a Teoria da Relatividade. Sempre que citado, você logo pensa na teoria que ele criou: E=mc² -ou pensa na grande fama que ele tem por ser maníaco por sexo, ou então que ele inventou a teoria da relatividade. Não é? Pois então, de todas essas afirmações, somente a que ele era maníaco por sexo é verdadeira. Mas então quem inventou a teoria da relatividade?

 

Na maior parte das invenções, podemos responsabilizar um cara chamado Henry Poicanaré. Ele era o maior especialista em relatividade no final do século 19 e, muito provavelmente, foi a primeira pessoa a apresentar formalmente a teoria da relatividade. Se você fosse Einstein e quisesse escrever sobre a teoria da relatividade, você provavelmente iria querer ter um papinho com o maior especialista no assunto, certo? Se você respondeu que sim, então você realmente não é Einstein! De acordo com o famoso trabalho de Einstein, On the Electrodynamics of Moving Bodies, Poincaré – apesar de ter publicado 30 livros e mais de 50 artigos a respeito do assunto – não vale a pena ser mencionado nem em nota de rodapé. Poincaré não é mencionado em momento algum, a menos que você considere o plágio um tipo de referência indireta. Mas enfim, Einstein não colocou Poincaré em suas referências, nas notas de rodapé, em nada, nadica!

 

De acordo com o livro de Peter Galison, Einstein’s Clock, Poincaré’s Maps: Empires of Time, Einstein e um grupo de amigos formaram o chamado The Olympia Academy e se reuniam regularmente para discutir seus trabalhos e o trabalho de outros cientistas. O livro menciona especificamente como Poincaré foi um dos cientistas que Einstein e seu batalhão nerd discutiam mais. O mais interessante é que Einstein sentou com seus amigos para discutir o trabalho de Poincaré por anos, publicou um livro que descrevia a teoria do cara e não fez nenhuma menção ao seu nome ou invenção no livro inteiro. Uma boa indicação de plágio e mentira, né não?

 

THOMAS EDISON

 

Thomas Edison, descrito como um dos mais prolíferos inventores do mundo, com um recorde de mais de 1000 patentes em seu nome. Hoje ainda ele é celebrado nas escolas do mundo inteiro como o inventor da lâmpada, do filme, da eletricidade e um bando de outras coisas que ele, na verdade, não inventou! Mas já que não podemos falar de todas as suas invenções, vamos focar na mais famosa do mundo: ele não inventou a lâmpada, sabia? Mas então quem inventou a lâmpada?

 

Uma outra pessoa, rssss. Todos sabemos que Edison explorava o pobre gênio Nikola Tesla, mas sabe em quem mais ele pisava todos os dias? Em um bando de gente que estava mexendo com a tal ideia da lâmpada – Jean Foucault, Humphrey Davy, J. W. Starr e outros sobre os quais você nunca vai estudar ou ouvir falar. Mas, Heinrich Goebel é, provavelmente, a primeira pessoa do mundo que inventou a lâmpada em 1854! Esse cara tentou vender sua ideia e sua primeira lâmpada para Edison, mas nosso cientista famoso recusou a compra dizendo que não via ali nenhum uso prático. Pouco tempo depois Goebel morreu e, Thomas Edison comprou a patente da lâmpada da viúve pobre que não sabia o que fazer com aquilo!

 

Ferrar com um inventor podia ser o suficiente para Galileu, mas Thomas Edison era um sonhador e não ficou satisfeito só com um inventor que nunca será lembrado. Então, depois de Goebel e um ano ele inventar sua própria lâmpada, Joseph Wilson Swan desenvolveu e patenteou uma lâmpada que funcionava de verdade. Quando ficou claro para Edison que, no tribunal, ele não ganharia de Swan, ele o tornou um parceiro e fundou a Ediswan United Company, na prática, comprando de forma lícita, Swan e sua patente. Não muito tempo depois, Edison comprou a ideia completamente, deixando todos os registros da lâmpada sob os cuidados da famosa Edison Company. Claro, Swan ganhou muito dinheiro com isso, mas ao comprar todos os registros, Edison ficou com todos os créditos pela lâmpada. Então, pelo que as histórias sugerem, Edison pode ter sido um sacana com uma enorme lista de invenções que ele roubou, de inventores que ele pisou, ameaçou, comprou e explorou, mas o que realmente pensamos dele? Que ele é o inventor gênio que criou nossa necessária lâmpada!

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

E então? O que você pensa desses famosos inventores agora que sabe da verdade?
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter

 

Compartilhe: