Imprimindo o seu próprio Castelo?

-por , em 03/09 -
Imprimindo o seu próprio Castelo?

Quando eu era criança, desejava por vezes ser uma princesa ou uma rainha. Claro que com esses vôos de imaginação, eu queria ter o meu próprio castelo! Imagine só! Uma construção imponente, rodeada por um fosso, com torres altas de onde Rapunzel poderia jogar suas tranças e um dragão para proteger minha ponte levadiça! (sim, eu sei, minha imaginação sempre exigiu toda pompa e glória! kkkk) Claro que tive de me contentar com varandas e árvores para fazerem às vezes de castelo… Mas o americano Andrey Rudenko, não precisou de nada disso! Venham comigo e eu vou contar porque. 😉

Bem, isso tudo começa com a tecnologia. Você já deve ter visto, ou ouvido falar, das impressoras 3D. É uma tecnologia que vem avançando progressivamente e, com os  modelos disponíveis, para que os usuários possam pensar nos mais diversos e malucos objetos para imprimir, quanto tempo levaria para alguém chegar a conclusão de que poderia imprimir uma casa inteira? Pelo jeito, não muito. Andrey Rudenko, um arquiteto dos EUA, resolveu imprimir uma construção para si e, acabou imprimindo um castelo!

A cerca de dois anos, Rudenko começou a planejar sua empreitada. Seu plano inicial era criar um sobrado e provar que este tipo de construção era possível. Mas como ele precisava ganhar experiencia e realizar testes, ele criou o castelo em miniatura, com cerca de dois metros de altura e largo o bastante para permitir que uma pessoa caminhe dentro dele.

castelo impresso 3

castelo impresso 4

Não se sabe qual o modelo e aparelho usado para a impressão, que foi feita com inúmeras camadas de concreto concreto e, segundo relata Rudenko, com algumas dificuldades na execução do processo. Razão pela qual ele já planeja conseguir uma impressão continua pois, todos os seus problemas e defeitos, como pontos enfraquecidos da estrutura, ocorreram justamente quando foi necessário parar a impressão. Mas o principal problema foi o material. Minnesota é um Estado americano de clima mais frio, o que ocasionava o concreto endurecer e secar mais rápido, ficando menos maleável e entupindo o extrusor da impressora.

castelo impresso 2

castelo impresso 5

Assim, o castelo foi feito em peças, que posteriormente foram encaixadas. Hoje Rudenko já pretende seguir adiante, escolher um local mais quente, conseguir autorização legal e construir, com uma versão mais atualizada de sua impressora, o sonhado sobrado. Ele também busca quem queira adquirir o imóvel, custeando assim seus gastos. Quer se voluntariar? Afinal, a casa de um homem é o seu castelo!

Luciana Fogo
por

Luciana Fogo

Chocólatra assumida, sou também uma viciada em livros e totalmente capaz de virar a noite com uma boa história! Mas o meu maior amor é ter INFORMAÇÃO! Pergunte que eu descubro!

Recomendamos para você