O físico e cosmólogo Stephen Hawking é alguém que dispensa apresentações. Dono de várias teorias sobre o universo e o tempo-espaço, o britânico teve sua vida retratada nos cinemas em A Teoria de Tudo, e agora deu seu parecer sobre o possível fim da humanidade.

Em um evento na Oxford Union o físico elogiou a humanidade antes de tudo: “o fato de que nós, humanos, que somos partículas meramente fundamentais na natureza, pudemos chegar tão perto de compreender as leis que nos governam e o universo é certamente um triunfo“.

Mas, para nossa tristeza, sua opinião é de que não sobreviveremos na Terra por mais de mil anos a partir de agora. Os próximos cem anos devem ser de extrema importância para a exploração espacial, e colonizar novos planetas pode ser a única forma de salvarmos a vida humana.

Ainda de acordo com Stephen, as últimas décadas foram muito positivas no estudo da física. Ele ainda acredita que “um dia sejamos capazes de usar as ondas gravitacionais para olhar diretamente no coração do Big Bang“.

Antes de terminar o discurso ele lembrou que ainda assim é preciso “se lembrar de olhar para as estrelas e não para baixo dos pés. Tente dar sentido ao que você vê, pergunte sobre o que faz o universo existir. Seja curioso. No mais difícil que a vida possa parecer, sempre há algo que você pode fazer e ter sucesso. O mais importante é que você não desista“.

Admirado por muitos, as teorias de Hawking devem ser levadas a sério pois ele é considerado uma das pessoas mais inteligentes da atualidade. O que você acha sobre essa opinião? Devemos nos preocupar com um futuro que não viveremos ou devemos apenas viver e deixar os problemas para próximas gerações? Não deixe de comentar aqui em baixo e em todas as nossas redes sociais: é tudo COXINHANERD!

Leia mais sobre Tecnologia