Você já chegou em um restaurante e foi pessimamente atendido pelo garçom, ou então fez alguma coisa que deixou o cara bem irritado e fez ele não querer voltar mais em sua mesa? Pois é, muita gente passa por esse tipo de situação, os garçons (pelo menos aqui no RJ), são conhecidos por não ter muita paciência com certas coisas. Pensando exatamente nos nossos erros, na hora de lidar com esse profissional, o site da Tudo Interessante criou uma lista com 19 maneiras infalíveis de irritar os garçons. Eu não consegui concordar com tudo, mas achei 10 itens incríveis, que valem a pena compartilhar com vocês, deem só uma olhadinha! 🙂 Depois me contem o que acharam, tá bem?

1 – Reclame da sua refeição depois de ter comido tudo

Claro que, se sua comida estava ruim, com cabelo, com bicho ou qualquer outra coisa, você não vai comer o prato inteiro para, somente depois reclamar né? Mas tem gente que faz exatamente isso e o garçom, que não é bobo, sabe exatamente que isso é um golpe bem baixo e bem comum, infelizmente. Por isso, eles não ficam nada satisfeitos em ter que lidar com pessoas que fazem isso. Pensando bem, você ficaria feliz, por acaso?

2Chegue 5 minutos antes do restaurante fechar

Não dá né? A pessoa trabalha o dia inteiro, carregando bandeja para todos os lados, sofrendo pressão de chefe e cliente, aturando mimimi de várias espécies e, no momento que fica feliz porque está quase na hora de descansar, chega um desocupado para estender a experiência trabalhística. Não rola né gente, vamos ter discernimento. 🙂

3 – Grite com eles quando sua comida estiver demorando muito

POR ACASO O GARÇOM FAZ A COMIDA? Ele é o último na linha de produção, ele é só o cara que leva o prato até você, seja uma pessoa educada e respeitosa, peça ao seu garçom que chame o gerente e, sem gritar porque isso não é mesmo necessário, pergunte se está tendo algum problema. Não custa nada exercitar aquele nosso lado educadinho como a tia Cotinha ensinou lá no primário, né?

4 – Deixe seu filho correr pelo restaurante

Eles andam de um lado para o outro, prestando atenção em novos clientes, em quem está precisando de alguma coisa e na saída da cozinha para não deixar os pedidos esfriarem. Tudo isso com uma bandeja que sempre está cheia de coisas que quebram. Sabe do que eles menos precisam? Do seu filho brincando de pique pega no meio de suas pernas, não acha? O pior é que, muitas pessoas não sabem, mas alguns donos de restaurante, descontam do salário dos caras quando quebra alguma coisa, seja culpa do cliente ou não. Para que fazer mal ao garçom né?

5 – Interrompa a introdução deles, fazendo o pedido da bebida

Já vi muita gente reclamar da falta de educação de alguns garçons, mas ninguém repara que aquele script que eles seguem quando chegam em nossas mesas faz parte de uma relação que durará pouco tempo, sabemos, mas que poderá trazer coisas deliciosas para os dois lados. Custa ser educadinho e esperar o garçom dizer o que tem na casa, quais são os especiais e o nome dele? Tem gente que não tem paciência e, quando o garçom chega na mesa dando boa noite, já vai mandando um “traz uma coca”. Sério?

garçom

6 – Peça uma coisa de cada vez, ao invés de pedir tudo, fazendo com que o garçom vá à sua mesa toda hora

Isso deve ser a coisa mais horrível né? Você vai na mesa da pessoa e fica meia hora lá até que todo mundo decida o que quer. Eles pedem pouca coisa. Você vai na cozinha fazer o pedido e, quando olha, lá estão eles te chamando de novo para mudar alguma coisa ou pedir mais. Você vai para a cozinha de novo e, quando olha, quem está de mãozinha levantada? Pois é, vamos tentar otimizar o tempo do garçom, não se esqueça, ele é gente como a gente.

7 – Não faça nenhum esforço para mover seu corpo quando eles estão limpando a mesa

Outra questão de educação. Se a mesa é grande, principalmente, e tem muitas pessoas, não custa ir passando as coisinhas para o garçom né? O cara tem que ficar rodando a mesa, passando por cadeiras espremidas, pedindo mil desculpas, correndo o risco de derrubar tudo, cheio de tensão. Vamos pensar um pouquinho mais nos outros. Sabemos que estamos pagando a conta pelo serviço, mas educação é de graça, ou tem, ou não tem né?

8 – Cutuque o ombro deles enquanto eles estão em outra mesa

kkkk Essa eu ia detestar demais. Não curto que me cutuquem, ainda mais desconhecidos, ainda mais quando estou concentrada, ainda mais quando estou trabalhando e prestando atenção em alguma coisa… Mas enfim, tem gente que não sabe balbuciar um simples “garçom, por favor, quando puder, venha até nossa mesa”, né? Porque se está ao alcance de uma cutucada, pode muito bem falar com o cara sem TOCAR NELE!

9 – Continue no local por três horas depois de ter pago a conta

Gente, mas isso deve ser insuportável mesmo, até porque, eles ganham gorjeta e a rotatividade é a perfeição né? Mas não, as pessoas comem, bebem, pagam a conta e resolvem morar na mesa do restaurante. Isso é um desrespeito com quem trabalha e com quem está esperando para entrar depois para comer, né?

10 – Fique colado ao seu telefone ao invés de decidir o que você quer comer

Ficar no smartphone ou tablet é realmente um vício mundial, todo mundo fica, nem adianta se defender dessa. Mas, se você vai a um restaurante, espere para começar a mexer no seu depois de fazer o pedido, porque ele está trabalhando para você curtir um momento relax, então não trave o cara enquanto você tenta associar mais três docinhos no Candy Crush né? 🙂

O que achou dessa lista? Comente aqui embaixo! Beijos!

Compartilhe: