Um coisa que tem sido incrível de acompanhar é essa nova “moda” rolando entre celebridades: o Ativismo Social. Sabe-se que, discursos de aceitação de prêmios, raramente, passam do básico que é agradecer ao diretor/elenco/cônjuges e afins. Agora, vários famosos de “peso” tem feito discursos inspirados que mostram que sua preocupação vai muito além do prêmio em si, ou até mesmo do tipo de reconhecimento que ele oferece. Apresentadores de premiações sempre fazem pequenas brincadeiras, ou afirmações discretas, que indicam suas convicções e até decepções com situações que estejam em voga na época dos prêmios, mas a nova moda vai muito além dessa revolta básica e de momento.

Uma coisa que pode ser observada sobre o último Emmy, é que vários famosos usavam um laço verde no paletó e no vestido. O laço representa apoio ao plano de mudança climática do presidente americano Barack Obama (que carrega a hashtag #DemandClimateaction). Parando para pensar, cerimônias de premiação são uma oportunidade incrível de levantar bandeiras em que se acredita. Naquele momento, o mundo inteiro está de olho no que os “vitoriosos” tem a dizer. Recentemente, sete celebridades aproveitaram o momento para abrir a boca para o mundo! Veja a lista que criamos para vocês conhecerem um pouquinho da história!

1 – Jeffrey Tambor

Jeffrey Tambor

Ele recebeu um Emmy pela sua incrível interpretação em Transparent. Na série, ele representa um transgênero. O ator agradeceu a comunidade em seu discurso: “Obrigado por sua paciência, obrigado por sua coragem, obrigado por suas historias, obrigado por ser inspiração, obrigado por nos permitir fazer parte da mudança. Que deus os abençoe.”

2 – Miley Cyrus

Miley Cyrus

Após ganhar prêmio de vídeo do ano com Wrecking Ball em 2014, ele cedeu seu discurso para um jovem chamado Jesse “em nome dos jovens fugitivos e sem lar”“Eu sobrevivi em abrigos por toda a cidade. Eu tenho sido um figurante nos filmes de vocês. Eu tenho sido um figurante em suas vidas. Apesar de ser invisível em suas vidas, eu tenho os mesmos sonhos que muitos (de vocês).” Desde então, Miley fundou sua própria instituição de caridade, The Happy Hippie Foundation, onde procura ajudar pessoas jovens e sem lar.

3 – Aaron Paul

Aaron Paul

Em seu discurso pelo prêmio de melhor ator coadjuvante, por Breaking Bad, Aaron chamou atenção para a ação criada por sua esposa, Lauren Paul. Ela luta contra o bullying, focando suas atividades em aconselhar pais, alunos e professores sobre os efeitos disso no futuro das meninas“Obrigado por dedicar sua vida espalhando bondade pelo mundo. Somos gratos por isso. Se vocês não sabem do que se trata, procurem “Kind Campaing”. Façam esse favor a vocês mesmos e aos seus filhos.”

4 – Sean Penn

Sean Penn

Em 2009, quando ganhou o prêmio por sua atuação em Milk, Sean direcionou seu discurso para os que lutavam para que o casamento gay fosse banido: “Eu acho que é um bom momento para que aqueles que votaram para o casamento gay ser banido, sintam, reflitam e vejam a vergonha em seus olhos e nos olhos de seus netos se continuarem com essa forma de pensar.”

5 – Richard Gere

Richard Gere

Em 1993, ele aproveitou seu momento como apresentador de um dos prêmios do Oscar para falar dos abusos sobre direitos humanos no Tibet: “Fico imaginando se Deng Xiaoping está assistindo isso agora, com seus filhos e netos, e sabendo que a situação dos direitos humanos é horrível na china, não apenas contra seu próprio povo, mas contra o povo do Tibet também… Poderíamos todos ser gentis e mandar amor e verdade e sanidade para Deng Xiaoping neste exato momento em Beijing, que ele possa enviar tropas e levar os chineses embora do Tibet e permitir que as pessoas possam viver livres, e independentes novamente.”

6 – Michael Moore

Michael Moore

Moore foi um pouco além e, em 2003, ele aproveitou o momento e chamou atenção do mundo contra a guerra no Iraque. Uma atitude que recebeu apoio, aplausos e vaias, que acabou resultando em seu microfone sendo desligado: “Nós vivemos em tempos onde um homem nos manda para guerra por razões fictícias. Nós somos contra essa guerra. Que vergonha, Sr. Bush. Que vergonha.”

7 – Patricia Arquette

Patricia Arquette

Esse ano, quando recebeu sua estatueta pelo seu papel em Boyhood, ela aproveitou o momento para defender a igualdade. O discurso recebeu muito apoio e palmas, principalmente de Meryl Streep e Jennifer Lopez: “Está na hora de tomar posse da igualdade de uma vez por todas. Direitos iguais para as mulheres nos Estados unidos da America.”

Tanta gente famosa que poderia estar também lutando por um mundo melhor e nem se ocupam com nada além de suas vidas. Renova a fé da humanidade saber que alguns ainda acreditam que podem ajudar e tentam fazer a diferença. E você? O que tem feito para mudar o mundo?