Essa semana, Friends completou vinte anos de sua estreia. Criada por David Crane e Marta Kauffman, a sitcom gira em torno de um grupo de seis amigos que moram em Manhattan. A série durou dez temporadas, juntou milhares de fãs no mundo todo e, até hoje, é considerada uma das séries de maior sucesso do mundo. Para comemorar essa data especial, preparei um post com os 10 momentos mais emocionantes da série. Eu não queria fazer um ranking dos momentos mais emocionantes, então vou colocá-los na ordem da série:

Marcel quase morre

Depois de ter sido largado por sua esposa lésbica, Ross compra um macaco de estimação chamado Marcel. Em um dos episódios, Marcel engole algumas peças de scrabble e vai parar no hospital. Ross compra briga com os funcionários do hospital e consegue fazer com que um médico atenda Marcel, salvando a vida do bichano. Depois que ele acorda da anestesia, Marcel aperta do dedo de Ross.

Pheebe faz um discurso dentro do armário
No penúltimo episódio da primeir a temporada, nasce Ben – o filho de Ross com sua ex-esposa lésbica. Quando eles estão no hospital esperando a criança nascer, Ross acaba trancado dentro de um armário com Pheebe e Susan (a amante lésbica de Carol). Os dois começam a brigar sobre qual vai ser o nome do garoto, bem como outras questões de como será o relacionamento entre os três e a criança. Durante a discussão, Pheebe, extremamente satisfeita, fala as seguintes palavras: “Isso é incrível. Quando eu era criança, depois de meu pai foi embora, minha mãe morreu e meu padastro foi preso, eu mal tinha pedacinhos o suficiente para juntar um pai inteiro. E aqui tem essa criança que tem três pessoas que amam tanto ela, que elas brigam para ver quem vai amá-la mais… E ele ainda nem nasceu. Ela é a criança mais sortuda do mundo.” Não tenho vergonha de dizer que isso me trouxe lágrimas aos olhos.

ross and rachel kiss

Ross e Rachel se beijam

Depois de passar uma temporada inteira tentando ficar com Rachel, sua antiga paixão do colegial, Ross finalmente resolve superar e, durante uma viagem para China, começa a namorar Julie, uma colega de trabalho. Ao descobrir os sentimentos de Ross, Rachel se apaixona por ele e passa mais metade de uma temporada sofrendo ao vê-lo com a namorada. Eventualmente Ross descobre os sentimentos de Rachel e os dois tem uma discussão feia no Central Perk e eles terminam dando um dos beijos mais memoráveis da televisão.

Mônica e Richard se separam

Muita gente diz que a separação de Rachel e Ross foi uma das mais dolorosas dos seriados, mas eu discordo. Apesar de Rachel e Ross ser o casalzinho de Friends, a separação deles não doeu tanto para mim, pois eu sabia que eles acabariam ficando juntos. Na minha opinião, a separação de Mônica e Richard foi muito mais impactante. E o motivo é por que eles são duas pessoas que se amavam de verdade. Eles eram perfeitos um para o outro e deveriam estar juntos, só que eles queriam coisas diferentes (ela queria ter filhos e ele não) e, por isso, tiveram que terminar. O término foi extremamente doloroso tanto para Mônica e Richard quanto para os espectadores.

joey and chandler

Joey perdoa Chandler

Na quarta temporada, Joey começa a namorar uma colega de trabalho chamada Katy. Ela é uma atriz charmosa, bonita, inteligente e divertida e Chandler acaba se apaixonando por ela. Decidido a passar o resto de sua vida infeliz para não trair a confiança de seu amigo, Chandler resolve manter seus sentimentos em segredo, mas tudo muda quando ele descobre que o sentimento é reciproco. Uma certa noite, quando Joey está atrasado para um encontro, Chandler beija Katy. Quando Joey descobre, ele fica extremamente magoado e ofendido e passa um tempo sem falar com seu melhor amigo. Ele acaba condenando Chandler a passar o jantar de ação de graças dentro de uma caixa para “pensar no que ele fez”, mas, quando Katy chega para se despedir, Joey fica tão tocado que ele abre a caixa e manda o amigo ir atrás da garota. É uma grande demonstração de amizade e de amor entre dois amigos.

Pheebe resolve ser barriga de aluguel para seu irmão

Além de uma irmã gêmea com quem não se dá muito bem, Pheebe tem poucos parentes vivos e, quando ela descobre que tem um irmão por parte de pai – que também foi abandonado – ela se apega a ele como uma última esperança dela ter uma família. Na quarta temporada, Frank Jr. – esse é o nome do irmão – se casa com uma mulher consideravelmente mais velha. O problema é que, por causa da diferença de idade, eles não podem ter filhos de forma natural e precisam de alguém para servir de barriga de aluguel para seus filhos. Sem ter mais a quem recorrer, eles pedem ajuda à Pheebe. Pheebe passa o episódio inteiro tentando decidir se deve ou não aceitar o pedido. Ela fica dividida entre fazer seu irmão feliz e a dor que iria sentir ao abrir mão de um bebê a quem ela deu a luz. Ao final do episódio, ela resolve que vai aceitar o pedido e dar ao seu irmão “o melhor presente que alguém pode dar a outra pessoa”.

chandler and monica

Chandler vai embora

Na sexta temporada, Chandler e Mônica resolvem morar juntos, o que faz com que Joey entre em uma espiral emocional com a saída de seu melhor amigo. Depois de terem passado por tanta coisa morando juntos, esse foi “o fim de uma era”.

Chandler pede Mônica em casamento

Se o término de Mônica e Richard foi muito doloroso, tivemos o casamento dela com Chandler para amenizar nossas feridas. Os dois começam a ficar juntos na quinta temporada e se casam no final da sétima. Durante as temporadas finais, eles se tornam um dos casais mais queridos da televisão. No final da sexta temporada, Chandler resolve pedir Mônica em casamento e, depois de muita confusão e desencontros (que envolvem o retorno de Richard Burke), Chandler acaba de joelhos diante de Mônica fazendo o seguinte discurso: “Eu achava que importava o que eu falasse, ou quando eu falasse, mas eu percebi que a única coisa que importa é que… que você me faz mais feliz do que eu imaginei que seria capaz. E, se você aceitar, irei passar o resto da minha vida tentando te fazer tão feliz quanto eu. Mônica, casa comigo?”

chandler and monica

Chandler faz um discurso para adotar seus filhos

Na décima temporada, Chandler e Mônica resolvem adotar um filho e são escolhidos por Erica (Anna Faris). Eles são selecionados por causa de uma confusão da firma de adoção onde a ficha deles são trocadas pela de outro casal. Desesperados para adotar, eles não corrigem o erro e acabam sendo pegos na mentira. Erica fica extremamente irritada e quase desiste de permitir a adoção. É então que Chandler faz o seguinte discurso: “Minha esposa é uma mulher incrível. Ela é carinhosa e amável e – não diga que eu disse isso – mas a mulher está sempre certa. Eu amo a minha esposa mais do que qualquer coisa nesse mundo e o fato de eu não poder dar um filho para ela está me matando. Quando o dia finalmente chegar, eu vou aprender a ser um bom pai, mas minhas esposa.. ela já está lá. Ela é uma mãe, sem um bebê.

O final de tudo

Depois de se casarem e adotarem dois filhos, Chandler e Mônica resolvem que vão criar os filhos do suburbio e se mudam. No último episódio de Friends, que foi ao ar dia 6 de Maio de 2004, eles fazem a mudança e a última cena é um take geral do apartamento vazio. Depois de passar dez anos acompanhando a vida daqueles seis amigos, naquele mesmo apartamento, passando por todos os tipos de situação, era como se fossemos um sétimo friend. Ver aquele apartamento vazio era – pelo menos para mim – o final de algo que havia se tornado uma parte muito importante na minha vida por tanto anos…