Todos os dias, nas redes sociais, temos pessoas reclamando de alguma coisa, cultuando alguma outra coisa e aplaudindo o que seus amigos reclamam ou cultuam. O dia a dia na internet está basicamente assim (resumindo com um pouquinho de pimenta, claro). Diante de tanta reclamação, convoco-lhes a uma pequena reflexão: no final das contas, quem está errado? Você ou a internet?

Nas últimas semanas surgiu um comentário tanto nas redes sociais quanto nas grandes mídias sobre o lançamento do aplicativo destinado ao público masculino, Tubby. Para quem não conhece a história, ele seria uma “resposta” ao aplicativo Lulu, destinado ao público feminino, leia sobre ele aqui. Bom, o caso é que, na última semana o Cid do blog de humor Não Salvo, declarou que, junto com outras pessoas, criou uma brincadeira (muito simples e bem elaborada até) em que pegou a maior parte dos internautas brasileiros – o Tubby era mentira, nunca nada existiu a respeito.

pegadinha

Resultado da história: Todo mundo que estava reclamando diariamente sobre o Tubby nas redes sociais (em sua maioria mulheres, claro), começou a reclamar que haviam reclamado muito sobre uma coisa que nem existia. Ou seja, caíram na pilha da piada e ficaram irritadas porque se expuseram sem grandes necessidades. Todo mundo que estava reclamando do Lulu (em sua maioria homens, claro), começou a reclamar que agora não poderiam mais se vingar do jeito que estavam querendo antes, já que o aplicativo não será desenvolvido). E quem não estava reclamando de nada, resolveu reclamar acusando o Não Salvo de ser o novo câncer da internet, uma praga que fica inventando coisa e enganando todo mundo. O pior é que, quem estava feliz e contente assistindo todo tipo de reclamação, começou a reclamar que tinha gente demais reclamando! WHAT?

pensando

Aí eu fiquei pensando, cá com meus botões: Será que vai existir um dia que alguém não vai reclamar de nada nas redes sociais? Claro que não…Já concluo logo depois, senão isso pode virar uma reclamação minha e rapidamente eu postaria nas redes sociais e viraria uma nova reclamona em série. Vamos meditar juntos: nada no mundo mudaria se alguém não tivesse se incomodado. Concordam? Pois então, as redes sociais são, na verdade, um reflexo de nós mesmos. Para que você acha que serve uma página na internet em que a primeira pergunta, logo de cara é: “O que você está pensando?” ou então “O que você está fazendo?” ou então “Onde você está?”

Se você respondeu: “para responder o que estou pensando, fazendo e onde estou ué”, então parabéns! A função da rede social é exatamente refletir para o mundo todo que você escolhe colocar lá como amigos, quem você é de fato e tudo o que você faz em tempo real, seja com dados e fatos ou apenas fotos. Então, se você acha que alguma coisa está ruim, incomodando e precisa reclamar a respeito, vai fundo! Reclama mesmo, coloca a boca no trombone, e depois reflita sobre como está se sentindo. Vamos apostar uma coisinha? Aposto que você estará muito melhor e mais relaxado.

Então não pense que a internet está errada, ela é apenas um reflexo do mundo real. Se quer mudar a internet, comece mudando você mesmo e toda a sua time line ficará muito mais bonita e feliz! 😉

Beijinhos!

Compartilhe: