Dying Light, o jogo do ano!

-por , em 09/01 -
Dying Light, o jogo do ano!

Preparem suas carteiras seus abrigos e suprimentos contra zumbis , meus caros gamers, pois no dia 27 de janeiro de 2015, será lançado no Steam um jogo de sobrevivência apocalíptica que promete e muito: Dying Light! Patrocinado pela Warner Bros Entertainment, este será um game realista voltado para a sobrevivência em Harran, lugar que sofreu com um patógeno descontrolado originador do apocalipse zumbi. Você é um sobrevivente desse evento e deve lutar por seus dias de vida, cumprir missões e ajudar companheiros e outros sobreviventes no decorrer de sua história.

Assim como acontece em outros survival games, Dying Lights também apresenta mundo aberto, contudo, a interatividade com o ambiente é extremamente superior quando comparado a qualquer outro jogo. É possível arrombar (e interagir) diversas casas e construções. Ainda não sabemos ao certo, mas parece ser possível explorar TODAS elas, sem exceção.

Outra novidade é que o protagonista será ótimo em parkour, então vai ser fácil se sentir um Ezio Auditore e escalar praticamente tudo para fugir de seus inimigos, tendo visões privilegiadas do ambiente. Também poderemos usar essa habilidade em combate – em situações desesperadoras, pense em como irá passar por cima de quem estiver na frente -, seja pulando ou correndo sobre as cabeças de uma horda de zumbis!

game dying light

Assim como em outros games, Dying Light apresenta as mecânicas de fome, sede, saúde e alternância entre dia e noite. Aliás, os desenvolvedores do jogo se superaram neste último ponto, pois durante o dia, você explora o mapa, faz a maioria das missões e caça zumbis a vontade. Já de noite… Caça vira caçador e acredite, meu amigo, é melhor você correr! Com o pôr-do-sol, seus instintos vêm à tona com a adrenalina e o medo – aproveite-se disso para sentir onde estão seus inimigos.

Só há um probleminha nisso: de nada servirá seu instinto se eles descobrirem onde VOCÊ está – não, não são zumbis comuns! A escuridão tira da toca mutações mais habilidosas e medonhas. Eles são mais fortes e feios, rápidos e mortíferos do que qualquer outro que você tenha enfrentado. Os zumbis noturnos não possuem sentidos aprimorados mas, se encontram uma presa, não há obstáculo que o impeça de persegui-la até o fim e, claro, como se não bastasse, a caça de um destes monstros atrai todos os outros e é aí que sua vida passa diante de seus olhos. Conseguirá você vencer as sombras das noites?

game steam

Quanto às armas, elas estarão espalhadas pelo mapa (que não é nada pequeno), esperando para serem coletadas pelo jogador. Provavelmente, algumas também serão dadas ao completar missões e desenvolver a história do jogo, como acontece no sistema adotado em Far Cry, por exemplo. Teremos pistolas, tacos de basebol, machados, facas, snipers, metralhadoras e muitos outros brinquedinhos disponíveis para a destruição dos mortos-vivos – sem contar o sistema de upgrade, como por exemplo o acréscimo de circuito elétrico, dando dano extra de choque ao alvo atingido.

Sabemos que também haverá crafting de armas, mas não saiu nenhuma informação sobre questões como durabilidade das armas de luta corpo a corpo ou de raridade de munições geradas pelo mapa. Também não sabemos ainda se será possível montar um build para o personagem principal ao decorrer do enredo. É questão de esperar para ver.

O multiplayer também está incluso nesta brincadeira. Até quatro jogadores podem se unir para sobreviver com seus próprios personagens. Contudo, os desenvolvedores definiram esta maneira de jogo como assimétrica. Quando a noite cai em Harran, O Caçador da Noite poderá aparecer. Ele é controlado por um jogador e é EXTREMAMENTE PODEROSO! Ele é o pior dos pesadelos desta cidade e passar por ele não será nada fácil!

dying lights

Agora, falando um pouco das questões técnicas: o jogo já está disponível na pré-venda por R$99,00 no Steam, mas, considerando que a pré-venda é mais barata e a fama que o game já alcançou com seus inúmeros teasers e a quantidade de conteúdo que promete fornecer, é esperado um aumento drástico neste valor pós lançamento. Ainda, por se tratar de um jogo de mundo aberto com muito conteúdo de interação, é previsto que seja bem pesado, portanto, não é qualquer máquina que conseguirá rodar com as configurações máximas.

Considere ainda que seus gráficos são estonteantemente lindos e as animações são baseadas em movimentos existentes em games de FPS, juntamente com articulações reais do corpo humano (utilizaram pessoas de verdade para a formação da matriz dos personagens). Sim, esse jogo com certeza exigirá muito do seu computador. 🙂

A inteface, dublagem e legendas do jogo estão completamente traduzidas ao português e, o tempo de gameplay previsto é de muitas horas até platinar o jogo. Além da linha história principal, ainda teremos centenas de missões secundárias para completar e as possibilidades abertas pelo parkour com batalhas brutais. A promessa é a de que o próprio ambiente do game dê ao jogador a oportunidade de escolher livremente o seu método e estilo de jogo, assim como para experimentar novos a qualquer momento.

E Então? Quais são suas expectativas para essa mistura de Mirror’s Edge, Battlefield, The Last of Us, Far Cry e Assassin’s Creed que foi nomeada Dying Light? O game promete ou não? Diz aí o que acha!

Ah, e aos interessados, tenho AQUI o link da página oficial, com mais informações e galeria de armas disponíveis para você conhecer. Também deixo um compilado de trailers, teasers e curiosidades – bem como a demonstração do jogo em si – para você ver com seus próprios olhinhos tudo o que eu falei aqui! Divirta-se!

Então é por aqui que fico! Beijinhos e até a próxima!

AH! antes que eu me esqueça… “Boa sorte…Boa Noite…” *risada maléfica*

Larissa Fogo
por

Larissa Fogo

Otaku e gamer assumida, é uma garota que ama o Japão e tudo referente ao assunto. Joga FPS e lê romances e aventuras. Também é uma futura química (não, não peçam para "cozinhar", porque se bobear, inventa um jeito de queimar até a água). Idolatra a Lara Croft. É uma nerd de todo coração!

Recomendamos para você