Isso mesmo meus lindos, já foi lançado este ano o game Dragon Ball Z: Battle of Z. Bom, como todos sabemos, são mais de 80 jogos inspirados na série animada e mangás de Akira Toryama, mas Dragon Ball é uma lenda também nos vídeo games e depois de um ano sem lançamento algum, Battle of Z chega para contar mais uma vez a saga de Goku e seus amigos.

Dragon Ball Z: Battle of Z passa pelas mais clássicas temporadas do desenho: da chegada de Vegeta até o combate contra Majin Boo. A saga GT ficou de fora, mas curiosamente eventos do filme “Dragon Ball Z: A Batalha dos Deuses” foram adicionados. Sendo assim, é a primeira vez que a transformação “deus” de Goku é selecionável em um jogo.

dragon

Battle of Z é um jogo que exige cooperação entre jogadores. Todas as fases são jogadas com quatro lutadores – você controla um e o computador, os demais. Ainda há a possibilidade de se reunir com amigos e jogar as mesmas fases online. Em mais de 60 missões é possível relembrar clássicos confrontos contra Cell, Freeza Majin Boo e todos os demais momentos marcantes da série. O jogo não se preocupa em contextualizar muito os acontecimentos – já que a história de Dragon Ball é bastante conhecida. Mesmo assim, cada estágio tem uma breve introdução com os personagens.

A interação entre os lutadores é crucial. É possível transferir energia e fazer ataques em conjunto. Jogar sozinho exige paciência, já que a inteligência artificial complica a sua vida. Por diversas vezes esperamos em vão um personagem aliado nos reviver enquanto ele estava parado ao lado. A jogabilidade é bastante simples. Um botão para ataques corpo a corpo, um para ataques com KI e outros dois para ataques especiais, tal como o clássico Kamehameha. Quando a barra de KI enche, é possível soltar poderes mais fortes.

ball

A novidade, no entanto, é a barra de Genki. Ela enche conforme os quatro lutadores acertam golpes. Quando ela está completa um ataque final que acaba com a partida pode ser executado – mas para isso é preciso que o personagem esteja utilizando um item especial. Esses itens são trocados por pontos ganhos no final de cada fase. Quanto maior a barra de Genki, mais pontos você adquire ao “enviar energia” para uma grande esfera compartilhada de jogadores de todo o mundo.

Além dos itens especiais, existe um sistema de cartas para personalizar e tornar os lutadores mais poderosos. Basta vencer os estágios para habilitar cartas e ganhar pontos para trocar por outras. Também é possível trocar e personalizar a cor de todos os personagens. Dragon Ball Z: Battle of Z é um jogo divertido, que vai direto para a ação dos momentos favoritos dos fãs. Existem fases alternativas onde se joga do ponto de vista dos vilões e outras em situações fictícias.

dragon ball

A ideia de forçar a interação entre quatro jogadores é boa, só que os recursos de interação não são muito bem integrados ao sistema de combate. Enviar energia para os colegas e realizar golpes juntos não é tão intuitivo e a inteligência artificial deixa muito a desejar quando se está sozinho. Battle of Z ganha créditos por tentar uma abordagem mais social, depois de tantos jogos da série é difícil fazer algo diferente e esse título conseguiu. Para uma próxima vez, quem sabe refinar um pouco o sistema de batalha para torná-las ainda mais eficientes.

Plataformas disponíveis: Playstation 3 e Xbox 360.

Compartilhe: