“I’m the Doctor. Doctor Oswald”. Não tinha como não começar o post com esta frase SEN-SA-CIO-NAL da Clara!!! E sim, pessoas… O episódio foi muito bom! Como todos já sabem, estamos no nono episódio da 8ª temporada de Doctor Who (oh meu Deus, como o tempo passa) e eles acertam neste enredo! Já falei, anteriormente, que ele andam colocando um quê de Supernatural, e mantenho ainda isso, vi muito da estrutura de episódio do Supernatural aí, e não digo que isso foi ruim, de forma alguma, porque ajudou muito, e, se eles continuarem assim para o restinho da temporada, ficará, realmente interessante… Mantém o mistério… Mas vamos aos acontecimentos…

O episódio começa com um moço no telefone, falando com a polícia, falando que sabe o que está acontecendo e quem está fazendo e pedindo ajuda desesperadamente. De repente ele some, e aparece “impresso” na parede. Logo depois da chamada do Doctor Who, aparece o Doctor e Clara pousando, e quando Clara vai desembarcar, percebe que a porta está bem menor do que de costume. Inclusive, a TARDIS por fora estava menor, e o Doctor quase não conseguiu sair… Estranho… Tanto que Doctor voltou para TARDIS e Clara foi investigar alguma coisa de anormal.

Ela foi caminhar e topou com um grupo de homens prestando serviços comunitários que estavam pintando paredes pintadas e viu que em um tipo de túnel, além de ter um tipo de “altar” com flores e homenagens, tinha figuras, pessoas desenhadas de costas, pessoas que desapareceram. Clara acha isso estranho e liga para contar isso para Doctor… E quando ela volta para a TARDIS, ela percebe que a nave diminuiu mais ainda… Aí, em face disso, o Doctor é obrigado a dar para Clara, seu papel psíquico e a chave para ela tentar resolver o problema… E Rigsy, uma das pessoas que estavam prestando o serviço comunitário, o mais novo deles (eram todos homens), e ele acabou levando Clara em um dos apartamentos das pessoas desaparecidas.

10703880_722696091138205_6585214150143113230_n

Dava para perceber que tinha textura diferente na parede, mas, os dois não perceberam. Clara começou a passar a chave pela casa, mas não ficou muito claro o que seria, mas tinha uma energia influenciando na TARDIS e eles acharam melhor sair correndo de lá. Depois eles foram a outro apartamento, com uma policial (e Clara falando que era da MI5, me lembrando mais uma vez do Supernatural) e, esta policial desapareceu por uma forma fluídica que se esparramava pelo chão e esta forma imprimiu o Sistema Nervoso da mulher na parede. O Doctor percebeu que poderia ser seres 2D que estava estudando nós da Terra, que somos seres 3D. Detalhe, esse balanço que salvou Clara e Rigsy foi muito um “I came like a wrecking baaaaall”.

Depois disso, Rigsy teve que voltar para o seu trabalho, Clara foi junto, percebeu que os outros trabalhadores iriam pintar a parede com as pessoas desenhadas, e quando eles menos perceberam, as formas começaram a se mexer e tomar aquela forma fluídica. Eles saíram correndo e foram para estação de trem, mas isto esteve lá também… O Doctor conseguiu perceber que eles se comunicavam e eles começaram a entender quais seriam as próximas vítimas. Com o tempo, eles começaram a conseguir tomar forma  3D, usando os corpos de quem foi absorvido.

1487323_834398583247228_7089611141813097460_n

Momentos de tensão dentro da estação, o tipo de tutor de Rigsy que deixa a TARDIS cair, o trem que acabou sendo absorvido, também, os “zumbis 3D” que conseguiam achatar e voltar os objetos na forma original… A Clara sendo Doctor e o Doctor quase morrendo e sem esperanças, porque a energia da TARDIS estava sendo sugada e com ela, tudo o que dá suporte à vida. Até que a Clara teve a ideia de pintar um cenário falso e assim, com a energia que os “zumbis 3D” (nome inventado por mim, tá povo?) tentaram reverter as formas, alimentou a TARDIS de energia… E assim se deu a volta triunfal de nosso Doctor que nomeou os zumbis 3D de “Os sem ossos” e avisou que a Terra é defendida por ele e que eles não são bem-vindos.

E é claro que, que para acabar com a nossa vida de vez, no fim do episódio, depois de um papo um pouco tenso entre Clara e Doctor e ela ter rejeitado a ligação de Danny (estranho, e mais estranho ainda o jeito que o Doctor fica “perto” de Danny), aparece Missy olhando para Clara de um tablet e falando mais ou menos “Clara, minha querida Clara, escolhi direito”… Então é ela a mulher que fez com que os dois entrassem em contato, e pela primeira vez, a achei com cara de má… Tenso… Muito tenso…

1924393_722696107804870_8543372678471653497_n

Foi um episódio de mistérios, de ação, aventura… Muito bem construído e espero que continue desse jeito… E está acabando, pessoas… Então, acho que muita resolução vem pela frente… Adorei este episódio, muito bem construído e com humor (Doctor mãozinha da família Addams)… E espero que todos tenham gostado! E aí?! O que me dizem!? Comentem aí!!! 🙂

Compartilhe: