Doctor e sua TARDIS!

-por , em 03/09 -
Doctor e sua TARDIS!

Como falar tanto do Doctor Who e não comentar sobre um dos elementos essenciais da série? “Mas, sim, você já falou do Doctor, do contexto histórico, das viagens no tempo, até dos vilões”… Mas não falei da TARDIS!

 

Pois é, pessoas! Já falei muito sobre Doctor Who, mas nunca me dediquei a falar da TARDIS. “Mas pra quê, é só uma nave!”. Só uma nave?! Será?!

 

Bom, como já devo ter comentado TARDIS é um acrônico que significa Time and Relative Dimension(s) in Space, que apertando a tecla SAP, fica Tempo e Dimensão Relativas no Espaço, sendo uma nave que possibilita a viagem de seus tripulantes, tanto no tempo quanto no espaço.

 

A cápsula TT, seu nome oficial, é o principal modelo da nave que era usado pelos Time Lords. Esse nome, TARDIS, foi dado pela neta do Doctor, Susan, que era sua companion na sua primeira regeneração, e seu modelo, TARDIS 40 é uma versão que já é considerada obsoleto.

 

[doctor who universe] tardis TT capsule 40 Mk III

 

Ela também possui um circuito que chama-se Camaleão, ou seja, um pouco antes de pousar, ela reconhece o ambiente em que ela está entrando em contato e se camufla em alguma coisa comum à paisagem. Mas, e sempre tem um mas, percebe-se que ela sempre está como uma cabine telefônica policial e por quê?! Simplesmente, lá para meados dos anos 60 (por que será?) o dispositivo quebrou e a TARDIS não muda mais de forma. Seu atual formato é tão marcante, que há gente que já fala de seu tom de azul, em azul TARDIS!

 

tardis

 

Outra característica que a nave possui e que, com certeza, não passa despercebida pelos amigos e companions do Doctor é que ela é dimensionalmente transcendental, ou seja, como todos comentam, com exceção de sua companion Clara que disse que ela menor por fora do que por dentro, todos que embarcam da nave, não deixam de se admirar como a nave é muito maior por dentro do que por fora.

 

DoctorWhoXmasNewTardisInt

 

A TARDIS também é considerada como um organismo vivo, pois se trata de uma máquina super complexa, a sua construção é tão complicada, que há quem diga que elas são cultivadas e não construídas. Por ter um nível tão elevado de complexidade em sua construção, seus usuários consideram que a nave tenha um grau de inteligência e que ela age de forma independente, o que constatamos ao assistir os episódios da série em que, muitas vezes, eles acabam em lugares que a princípio, não foram premeditados por seus tripulantes.

 

E essa impressão aumentou muito, quando a matriz da TARDIS foi colocada em uma mulher, em um episódio chamado The Doctor’s wife, mostrando a sensibilidade que esta possui e até mesmo que sente um grande amor pelo Doctor, ser este que a “sequestrou”, porque sim, o Doctor roubou a nave, ou como ele costuma dizer, tomou emprestada, um empréstimo que já dura por volta de 1000 anos (empréstimo longo, não?). Embora esta tenha falado nesse episódio que ela deixou suas portas abertas, propositalmente.

 

Screen-shot-2011-05-15-at-12.28.35-PM

 

A nave possui mais de 30 salas, embora o Doctor se lembre de ter trocado, somente 12 vezes, e ela pode materializar em cima de outro objeto, fazendo com que este apareça dentro da nave e desmaterializar, deixando alguns de seus tripulantes no local em que ela se encontrava.

 

E para finalizar, queria contar que, recentemente, o Google Maps fez uma brincadeira, que os Whovians de paixão amaram de paixão que, acessando este link, e achando a seta dupla, a pessoa tem acesso à TARDIS do 11th Doctor!

 

Gostaram da curiosidade?! Espero que sim!

 

Perfil Natalia

Natalia Cordeiro

Então, desbravem a TARDIS no Google Maps e Geronimo!
Facebook

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você