Já falei que adoro dar pitaco nos livros que as pessoas estão lendo ao meu redor né? E já falei também que #dicadelivro para wishlist é sempre divertida entre amigos! Então vou dar mais três dicas bem legais para vocês e espero seus comentários e dicas lá nos comentários, no final do post! Não esqueça de curtir a gente nas redes sociais e de se inscrever em nosso canal no Youtube, sempre postamos várias recomendações super maneiras por lá também! Os links estão no final do post! Agora vamos às dicas! 🙂

Eleger uma playlist para crianças de 0 a 3 anos requer muita sensibilidade e não é tarefa fácil nem para pais nem para educadores. Margareth Darezzo conhece bem essa realidade, pois tem mais de 20 anos de experiência em aulas de música para crianças pequenas, além de ser mestre em Educação Especial pela Universidade Federal de São Carlos e especialista em Psicologia Infantil, com extensão universitária em Neuropsicologia. Agora, lança QUEM VEM LÁ?, livro que acompanha um CD com canções criadas especialmente para a rotina do bebê, tais como troca de fralda, banho, hora de acordar, de dormir e de brincar.

No livro, a autora propõe diversas atividades para serem realizadas com a criança durante momentos importantes de descoberta, convívio e cuidados diários, esteja ela acompanhada de seus pais, cuidador ou professor. Margareth dá orientações simples, mas bem fundamentadas para estimular a criança nos seus primeiros anos de vida, e também sugere atividades que podem ser feitas em grupos, visando auxiliar o educador.

Em Quem Vem Lá? a autora “conversa” com os pais e cuidadores, trazendo informações e reflexões que mostram a importância da música no desenvolvimento da criança. E para “conversar” diretamente com as crianças, o livro traz diversas ilustrações de Bruno Nunes que sugerem brincadeiras com as canções.

Quem vem lá?

Gostou do livro? Compre ele aqui!

O oceanógrafo, fotógrafo e cinegrafista submarino, Marcelo Skaf, selecionou 130 fotos dentre as inúmeras imagens clicadas ao longo de seus 20 anos de carreira – especializada em documentários de natureza – para compor o livro Pelos Mares do Mundo (Editora Batel), em que retrata com enfoque artístico as formas e cores do universo marinho.

As imagens que figuram no livro apresentam paisagens submarinas, detalhes e texturas de seres marinhos – desde espantosas Jubartes até um cavalo-marinho pigmeu, de apenas 3 milímetros –, interações entre a paisagem dentro e fora d’água e sobre como estes dois ambientes se relacionam entre si, a conexão entre o que está acima e abaixo da linha d’água. “O mundo que margeia os oceanos está diretamente conectado à vida submarina”, reflete Skaf.

A lista de dificuldades para conseguir fotografar em áreas remotas é extensa: das ilhas muito distantes do continente (já que tanto a fauna terrestre quanto a marinha dessas regiões ainda não são totalmente conhecidas), à ausência de água doce e comida. As imagens de Skaf registram e traduzem paisagens especiais bem como a vida de mamíferos marinhos e peixes raríssimos. Dupla de Marcelo Skaf em diversas expedições nos últimos 22 anos, o mergulhador, documentarista e apresentador de TV, Lawrence Wahba, referência quando o assunto é documentários de natureza, assina o prefácio de Pelos Mares do Mundo e pode ser considerado um forte incentivador para Skaf publicar o livro. “Sendo sincero, eu sempre me perguntei por que Skaf demorou tanto para lançar um livro. Em várias ocasiões, cheguei a pressioná-lo para isso e a resposta vinha sempre com um sorriso e a frase “estou trabalhando nisso”, declara Wahba.

pelos mares do mundo

Gostou do livro? Compre ele aqui!

Bia Penha lança o livro de poesias Azul, que reúne poesias inspiradas em todos os seus ‘eus’, produzidas ao longo de seus 43 anos. A autora põe no papel muitas facetas de uma mesma pessoa e retrata um pouco do que cada um carrega em si: loucura, dor, amor, superação, e diversos sentimentos. “Este AZUL é feito de “verdades secretas”, que de tão secretas, tornam-se nossas também. A poesia de Bia é costurada no tempo e em cicatrizes, que delicadamente bordam sua “dor de carne sem osso”, afirma a escritora Maice Rocha Glaser no prefácio do livro.

Azul

Para mais dicas de livros, continuem acompanhando a gente nas redes sociais! 🙂