UM BEST-SELLER QUE CHEGA ÀS LIVRARIAS NACIONAIS!

Uma das autoras mais populares da Coreia do Sul, Gong Ji-Young já vendeu 10 milhões de exemplares de seus livros em mais de 12 países. Sua influência na cultura de seu país é tanta que uma de suas obras, “The crucible”, chegou a provocar uma mudança na legislação coreana. Em março, a obra da best-seller chega pela primeira vez ao Brasil, com o lançamento de “Nossas horas felizes”, pela Record.

A trama acompanha a protagonista Yujeong, uma jovem de classe alta que, aos 30 anos, não consegue se conectar com ninguém ou encontrar sentido para a vida. Já tentou o suicídio três vezes e, sem sucesso até nisso, vive uma vida sem qualquer perspectiva. A família também não faz muito esforço para entender seus conflitos, a não ser sua tia Monica, uma freira com quem Yujeong sempre teve uma boa relação.

Para tentar ajudar a sobrinha, a religiosa a convoca a acompanhá-la semanalmente à prisão da cidade, onde ela costuma visitar presos que estão no corredor da morte. Ali, Yujeong conhece Yunsu, jovem condenado por um crime hediondo e que também está ansioso para morrer. A autora intercala os capítulos narrados em primeira pessoa por Yujeong com as anotações do diário de Yunsu, escritas por ele na cadeia. Aos poucos, fica claro que mesmo pertencendo a classes sociais totalmente distintas, com experiências de vida bem diferentes, os dois compartilham um passado de abusos e traumas, físicos e psicológicos.

Nos encontros, os dois refletem sobre morte, amor e perdão. A conexão desenvolvida entre os personagens acaba despertando em ambos, novamente, a vontade de viver.

Gostou do livro? Você pode comprar ele AQUI!

Veja também nossa última dica de livro em vídeo!

Veja mais sobre Livros