Dica de filme: Possessão!

-por , em 09/08 -
Dica de filme: Possessão!

Olá, pessoas… Primeiramente, não vou falar de filme de terror (admito, sou medrosa demais para assisti-los), mas decidi fazer este post, porque, finalmente, achei o DVD deste filme que vou vos falar, e isso me deixou muito feliz!!! É que assim, pessoas, hoje em dia eu nem tenho mais essa mania, mas, antigamente, eu tinha mania de ficar zapeando… Trocando insistentemente de canal, até achar algo legal, foi assim, por exemplo, que eu achei um ótimo filme, o Mais estranho que a ficção, que por sinal é um filme ótimo, e também achei esse… Possessão, que vou falar… Sério, foi amor à primeira vista, e… Eu acho melhor eu falar logo dele… Já me prolonguei demais, aqui…

A história, ou melhor, as histórias

O filme se passa em Londres (e já falo que o enredo foi baseado no romance homônimo de A. S. Byatt, e pequeno detalhe, o livro é absurdamente caro) e se trata de um estudioso de literatura inglesa do século XIX americano, Roland Michell (interpretado pelo Aaron Eckhart) que descobre indícios de uma possível ligação amorosa entre Randolph Henry Ash (famoso poeta cujo centenário de seus poemas estavam sendo comemorados) e Christabel LaMotte, (inclusive, LaMotte vivia com uma mulher, interpretada por Lena Heady *a Cersei morena e boazinha, gente*) e que, teoricamente, nem se conheciam.

Possessão

E para isso, Michell vai até a Maud Bailey (Gwyneth Paltrow), uma pesquisadora para ajudar a provar a sua teoria de que Ash e LaMotte estiveram juntos. Sendo assim, o filme se divide em dois, um misto da história que acontece em 2002 com Maud e Michell buscando pelas provas e a história de LaMotte e Ash, mostrando o que aconteceu, o real romance deles e o fruto de tudo isso. Vários poemas muito belos. E enquanto isso, a pesquisadora e o estudioso que, ao mesmo tempo que iam descobrindo as pistas, iam se descobrindo também, em uma perspectiva muito interessante.

As impressões

Gente, sinceramente, eu adorei este filme (como vocês bem puderam perceber no começo do post), porque nele junto duas coisas que eu adoro. História e literatura. Michell encontrou uma carta não enviada à LaMotte, mas, a veracidade do encontro foi provado pela interpretação de vários poemas publicados de ambos, e isso que eu achei mais legal, é o que eu gosto de fazer, né? Então, para mim, é um pouco suspeito falar sobre isso, afinal, eu só quero ser uma professora de Literatura, né?

Possession

Eu dei uma pesquisada sobre o filme, e tudo mais, e as opiniões são bem controversas sobre o filme, acham um romance muito “água com açúcar”, mas, sinceramente, não achei tão exagerado neste quesito, tudo bem que ligo muito com a parte literária, e isso faz com que eu pire, cada vez que eu assista, mas eu acho que ele foi feito de maneira muito inteligente… Eu acredito que dê para se analisar os vários parâmetros que se têm para ver no filme e juntá-los todos, e ver como tudo funciona. Eu recomendo, já assisti várias vezes, e pretendo assistir várias vezes mais… Ele só é meio difícil de achar, mas sempre passa na Warner… Então, espero que gostem da dica e não deixem de comentar aqui!

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você